Atualizado em: 12/06/2017

Entrevista sobre Libido na mulher para o programa Tarde Vip

 

A testosterona é um hormônio esteroide (formado a partir do colesterol) essencialmente masculino, mas importantíssimo na mulher também, apesar delas produzirem 20 a 30 vezes menos do que os homens. A deficiência de testosterona pode ter consequências sérias, tanto físicas como mentais, prejudicando a saúde da mulher. Os sinais e sintomas variam, dependendo da etapa da vida na qual a deficiência de testosterona ocorra.

Na mulher, os hormônios androgênicos DHEA e testosterona decrescem lenta e progressivamente a partir da quarta década e por toda a vida. O declínio dos androgênios pode gerar um estado de deficiência que se manifesta insidiosamente por diminuição da função sexual, bem estar e energia, alterações na composição corporal com perda de massa muscular, ganho de gordura e e perda de massa óssea. Se há história de retirada dos ovários, deficiência hormonal hipofisária, supressão da androgênese adrenal e/ou os níveis séricos de testosterona se encontram reduzidos como ocorre em usuárias de anticoncepcionais hormonais, é provável que estes sinais e sintomas sejam aliviados pela administração criteriosa de testosterona, cuja prática tem se difundido. Nas doses atualmente preconizadas, parece que os benefícios sobre massa óssea, sexualidade e qualidade de vida são alcançados sem importantes efeitos colaterais de virilização.

Após a menopausa a produção total de testosterona cai drasticamente, mas continua sendo produzida em menor quantidade pelas adrenais. De fato, cerca de 30% das mulheres apresenta desinteresse sexual após a menopausa e, embora para isso possam contribuir fatores culturais, psicológicos, afetivos e orgânicos, muitas pesquisas destacam a importância dos androgênios para a sexualidade feminina.

Os androgênios parecem ter também, influência significativa no comportamento, sensação de bem-estar e humor de mulheres após a menopausa, com decréscimos nas queixas de depressão e somatizações, conforme sugerido por pesquisas.

Antes da menopausa a testosterona nas mulheres é produzida pelos:

  • Ovários (25%) que são estimulados pelo LH (hormônio da hipófise),
  • Adrenais (25%)
  • Conversão periférica a partir da androstenediona e da DHEA (50%)

CAUSAS DA SUA DIMINUIÇÃO:

  • Menopausa
  • Insuficiência adrenal
  • Uso (atual ou prévio) de anticoncepcionais hormonais
  • Retirada dos ovários – ooforectomia (cirúrgica, química, pós-radioterapia)
  • Insuficiência parcial dos ovários em produzir testosterona
  • Xenoestrógenos ambientais como o bisfenol
  • Medicamentos como anti-depressivos, estatinas para abaixar o colesterol, estrogênios, anti-androgênios e glicocorticoides
  • Estresse excessivo já que o cortisol (hormônio do estresse) bloqueia a testosterona.
  • Falência ovariana prematura
  • Anorexia nervosa
  • Artrite reumatoide
  • Lupus eritematoso sistêmico
  • Síndrome de imunodeficiência adquirida

Como podem notar não é apenas a mulher no pós-menopausa que tem que ter seus níveis hormonais dosados. A queda deste hormônio pode ocorrer nas mais diversas idades.

Em 2001, o consenso de Princeton, com base em ampla revisão da literatura, considerou que sintomas de desinteresse sexual, diminuição da libido, reduções no bem-estar, alterações de humor, falta de motivação e fadiga persistentes, não justificáveis por doenças psiquiátricas ou orgânicas e na presença de um status estrogênico normal, despertam a suspeita da síndrome de deficiência relativa de androgênios na mulher.

A problemática dos anticoncepcionais hormonais:

Em mulheres jovens, usuárias de anticoncepcionais hormonais, encontram-se níveis baixíssimos deste hormônio o que pode acarretar diminuição importante da libido. Além disso, o anticoncepcional hormonal oral diminui a quantidade de testosterona livre já que estimula a produção pelo fígado de uma proteína chamada de Globulina Ligadora de Hormônio Sexual (SHBG). Esta proteína se liga de forma muito intensa à testosterona diminuindo sua forma ativa, a forma livre. Esta situação ocorre tanto nas usuárias de pílula como na mulheres que fazem reposição hormonal na menopausa com hormônios tomados pela boca (via oral).

Os níveis de SHBG em usuárias de pílulas costumam ser tão altos que o laboratório precisa fazer duas vezes o mesmo exame para chegar a um resultado. Caso use pílula, peça este exame ao seu médico e notará um nível bem acima do valor de referência com a seguinte mensagem no laudo do laboratório: “exame repetido e confirmado com diluição da amostra”.

Outras formas de anticoncepcionais hormonais, que não sejam orais, não elevam a SHBG da mesmo forma mas também podem causar um estado de deficîencia hormonal em mulheres acarretando problemas sexuais e de composição corporal.

Na minha prática diária vejo que algumas usuárias com mais de 10 anos de anticoncepcionais hormonais apresentam deficiência leve a importante de massa muscular com excesso de gordura caracterizando -as como “falsa magras ” e acarretando baixa auto estima. Para piorar, essas mulheres muitas vezes fazem uso de anorexígenos e antidepressivos para comer menos, o que não favorecerá em nada o ganho de massa muscular e insatisfação com a imagem. Caso você se encaixe nesta situação recomendo ler este post “Como deixar de ser falsa magra” que está na área fitness deste blog

SINTOMAS/SINAIS DE TESTOSTERONA BAIXA:

  • Diminuição ou perda do deseja sexual
  • Dificuldade para atingir o orgasmo
  • Diminuição dos feromônios que são liberados através da pele para chamar atenção masculina quando a mulher está ovulando.
  • Diminuição da auto-estima e da autoconfiança
  • Falta de iniciativa e de vontade se cuidar
  • Aumento de gordura corpórea
  • Diminuição de massa muscular esquelética
  • Diminuição de massa óssea
  • Menor tônus muscular
  • Fraqueza

ALTERAÇÕES LABORATORIAIS SUGESTIVAS

  • Aumento importante da Globulina Ligadora de Hormônio Sexual (SHBG) – em usuárias de anticoncepcionais hormonais
  • Testosterona livre próxima do limite do inferior da normalidade ou abaixo
  • Elevação de FSH/LH em mulheres na menopausa
  • Supressão de FSH/LH em usuárias de anticoncepcionais hormonais
  • Diminuição de SDHEA

COMO DIAGNOSTICAR?

Queixas clinicas associadas a alterações laboratoriais.

COMO TRATAR?

  1. Reposição hormonal com testosterona e outros hormônios caso necessário;
  2. Suspensão do anticoncepcional hormonal tomado pela via oral, se for esse o motivo;
  3. Melhoria do estilo de vida;
  4. Emagrecimento;
  5. Fortalecimento muscular;
  6. Prática de exercícios de alta intensidade.

Mulheres devem apenas receber testosterona quando ainda menstruam ou quando fazem reposição de hormônios ovarianos na menopausa como estradiol e progesterona.

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS ?

Tudo em excesso não é bom e esta afirmação também é válida para hormônios. Quando temos níveis supra-fisiológicos de testosterona, podemos perceber o aparecimento gradual de acne, pelos, alterações menstruais e queda de cabelo que podem ser revertidas com suspensão ou ajuste da dose.

Efeitos colaterais como aumento do “gogó”, aumento do clitóris, masculinização da face, crescimento excessivo de pelos, aumento demasiado de massa muscular e alterações da voz são vistos em mulheres que fazem uso indiscriminado de derivados deste hormônio, de forma não criteriosa, apenas para fins estéticos e na maioria das vezes sem acompanhamento profissional adequado.

QUAIS AS CONTRA-INDICAÇÕES?

  • Câncer de mama ou endométrio em atividade ou tratado a menos de cinco anos. Obs. Alguns estudos mostram que na verdade a testosterona pode proteger do câncer estrogênio dependente
  • Sangramento uterino de causa indeterminada
  • Síndrome dos Ovários Policísticos
  • Tromboses
  • Neoplasias androgênio-dependentes,
  • Acne e/ou hirsutismo graves
  • Alopécia androgênica
  • Situações em que não se deseje o aumento da libido

A SÍNDROME DOS OVÁRIOS POLICÍSTICOS

Algumas jovens tomam pílula porque são diagnosticadas ao Ultra Som com ovários micropolicísticos, situação esta que pode pode ser normal conforme a fase do ciclo em que se faça este exame. Outras porque acreditam que assim ” regulam o ciclo”. Que fique claro que esta falsa ” regulação” estará apenas dando conforto a mulher para que ela saiba quando será o período menstrual mas os níveis hormonais não estarão nem um pouco regulados .

Ovário micropolicístico é diferente de Síndome dos Ovários Policísticos (SOP). Nesta síndrome, que ocorre em 6 a 10% das mulheres em idade reprodutiva, nem sempre temos ovários policísticos, mas em geral temos:

  • Aumento de insulina – resistência à insulina
  • Excesso de pelos, acne e queda de cabelo
  • Sobrepeso e obesidade em pelo menos 50% das pacientes
  • Alterações menstruais e/ou ovários policísticos
  • História familiar em grande parte dos casos mas não em todos

A SOP pode ser tratada com pílulas em casos mais severos mas existem métodos alternativos as pílulas , SEMPRE COM ACOMPANHAMENTO DE PROFISSIONAIS, como por exemplo:

  • Dieta de baixo carboidrato para diminuição de insulina
  • Exercícios físicos – ajudam a sensibilizar a insulina
  • Eliminação de xenoestrôgenos da rotina como bisfenol e soja
  • Diminuição ou eliminação de produtos lácteos
  • Progesterona natural
  • Indol 3 Carbinol e Crisina: controlam os níveis de estrógenos
  • Sensibilizadores da insulina como a metformina
  • Bloqueio de DHT com medicamentos alopáticos ou fitoterápicos com saw palmeto por exemplo

OUTROS HORMÔNIOS ENVOLVIDOS NA LIBIDO DA MULHER :

Estudos recentes de Mestor e Frohlich (2000), corroborados por Argiolas e Melis (2003), indicam que fatores endócrinos, incluindo os andrógenos, estrógenos, progesterona, prolactina, ocitocina, cortisol e feromônios; neurotransmissores, incluindo óxido nítrico, serotonina, dopamina, epinefrina, norepinefrina,opioides, acetilcolina, histamina e ácido gama-aminobutírico(GABA); bem como influências do SNC compõem a intrincada neurofisiologia da sexualidade.

  • DHEA – pré-hormônio da testosterona – regula humor e energia também.
  • Hormônios tireoideanos – comandam todo o metabolismo e são importantíssimos na regulação da libido.
  • Hormônio do crescimento e somatomedina C – atuam em conjunto com a testosterona.
  • Ocitocina – hormônio do prazer e do orgasmo. Para saber mais sobre o assunto leia o meu post –http://www.robertofrancodoamaral.com.br/blog/envelhecimento/ocitocina-muito-mais-que-hormonio-do-amor-saiba-porque
  • Progesterona – hormônio “feel good” (bem-estar) – notem que a progesterona é diferente de qualquer progestógeno contido nos anticoncepcionais. Tem papel importantíssimo no bem-estar.
  • Estradiol – o déficit leva à falta de libido como ocorre na menopausa – o excesso pode suprimir a progesterona, aumentando a chance de TPM.
  • Estriol – importante na lubrificação vaginal.
  • Prolactina – o excesso, como na amamentação, bloqueia a ação da testosterona e do estradiol/progesterona.
  • Melanotrofina – hormônio que dá cor à pele e também está envolvido na libido.
  • Dihidrotestosterona – metabólito da testosterona e 4 vezes mais potente que ela.
  • Cortisol – gera energia ao longo do dia, ou seja, é importantíssimo ter níveis ideais, nem alto e nem baixo, para se sentir com disposição para o ato do sexual.
  • Insulina – níveis altos deste hormônio podem aumentar a quantidade de testosterona livre na mulher, portanto, mulheres obesas podem ter libido aumentada por ter mais testosterona livre.

 

NEUROTRANSMISSORES ENVOLVIDOS NA LIBIDO

O estágio da libido é extremamente relacionado ao desejo por sexo e é considerado um fenômeno mediado pelo neurotransmissor dopamina.Vários estudos têm demonstrado esta íntima relação da dopamina com o desejo sexual. Níveis baixos de dopamina tipicamente resultam em diminuição de libido. Alguns medicamentos que bloqueiam a dopamina acabam também reduzindo a libido e a recíproca é verdadeira, medicamentos que aumentam a dopamina podem aumentar o desejo

A acetilcolina liberada no cérebro é quem nos faz fixar a atenção, manter-nos em estado de alerta, é umas responsáveis pela memória e criatividade. Também é liberada em terminações nervosas periféricas, levando à ereção e à produção de suor durante o ato sexual. A excitabilidade é determinada também pela acetilcolina apesar de não ser um neurotransmissor tão potente quanto a dopamina em termo de regular o desejo sexual, a depleção de acetilcolina afeta diretamente a libido. Baixos níveis deste neurotransmissor podem afetar o volume de sêmen.

Orgasmo é dependente de adrenalina e noradrenalina, do neurotransmissor GABA e do bloqueio da serotonina. O GABA é sintetizado a partir de glutamina e inositol. O GABA ajuda controlar os neurotransmissores estimulantes que podem causar ansiedade, inquietação e diminuir o desejo. Precisamos de GABA para praticar o famoso “relaxa e goza”, sem GABA ficamos raivosos. Este neurotransmissor também ajuda a produzir dopamina e como já sabem esta é de fundamental importância

LIBIDO FEMININA: 7 FATOS SOBRE O CLITÓRIS QUE VÃO FAZER SEU QUEIXO CAIR.

Saiba mais acessando aqui  http://www.robertofrancodoamaral.com.br/blog/clitoris-e-o-orgasmo-feminino/

 

       cat2

 

MEDICAMENTOS QUE PODEM INFLUENCIAR NA LIBIDO

Em seu Estudo Sexual da Vida do Brasileiro, Carmita Abdo, criadora do Programa de Estudos em Sexualidade (ProSex) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, revela a realidade da vida sexual feminina no país: “Uma em cada duas mulheres brasileiras sente que seu desejo sexual não é tão intenso quanto ela gostaria, não fica tão excitada quanto esperava ou enfrenta dificuldades para chegar ao orgasmo”. E ela está de acordo com o que se observa na maior parte do mundo. “Temos os mesmos índices de dificuldades sexuais de outros povos”, afirma Carmita, internacionalmente reconhecida como uma autoridade em sexualidade humana.

A falta de desejo sexual ou mesmo a anosgarmia em mulheres é uma questão muito complexa, porque as causas e origens são frequentemente múltiplas e envolvem causas fisiológicas e psicológicas. Dentre as causas fisiológicas podemos citar disfunção hormonal, depressão, uso de medicamentos psicotrópicos, drogas ilícitas como a cocaína ou medicamentos para emagrecer. Alguns medicamentos contra o glaucoma também podem levar a problemas de libido. Dentre as causas psicológicas além do estresse, a depressão também é uma das razões que leva as mulheres a perderem a disposição, inclusive para o sexo. O desgaste físico e psicológico proporcionado pela depressão influencia negativamente o comportamento da mulher, assim como os antidepressivos e alguns tipos de anticoncepcionais. Medicamentos anoréxicos (para redução do apetite) atuam sobre o sistema nervoso central afetando o equilíbrio emocional do paciente, o que pode interferir nas respostas aos estímulos sexuais.

Mas a lista de medicamentos que podem prejudicar sua libido, vai muito além dos antidepressivos e afins. Até mesmo um simples antigripal pode influenciar na libido. Confira alguns medicamentos que podem interferir na sua vida sexual, reduzindo sua libido ou mesmo impedindo seu orgasmo.

Ansiolíticos

Uso: Os tranquilizantes ou ansiolíticos como o clonazepam, são usados para diminuir a ansiedade e a tensão.

Efeitos colaterais: como agem diretamente no sistema nervoso central, estes medicamentos têm o efeito de “desacelerar seus neurônios” e dessa forma, reduzem também a libido.

Antidepressivos

Uso: Inibem a recaptação da serotonina sendo prescritos nos casos de depressão, transtorno obsessivo-compulsivo e bulimia.

Efeitos colaterais: É a principal classe de medicamentos que pode causar problemas com o desejo sexual em mulheres. Em especial, os inibidores seletivos da recaptação da serotonina. Pela alteração nos níveis dos neurotransmissores, esses medicamentos afetam o desejo e a resposta sexual da paciente, reduzindo drasticamente sua libido.

Anti-hipertensivos

Uso: atuam no aparelho cardiovascular, com o intuito de controlar a pressão arterial elevada. Entre eles estão o nadolol, metazolona, atenolol e captopril.

Efeitos colaterais: Certos diuréticos e os beta-bloqueadores podem causar uma falta de desejo sexual em mulheres. É importante lembrar que, em nenhuma hipótese, a paciente deve interromper, por conta própria, o uso de sua medicação. Tal procedimento pode trazer consequências graves.

Estatinas

Uso: As estatinas são os medicamentos para redução de colesterol mais utilizados em todo o mundo. Estes medicamentos atuam inibindo a enzima HMG-CoA redutase, fundamental para a síntese do colesterol dentro das células. Esta inibição induz o fígado a remover as partículas de colesterol da circulação sanguínea. Deste modo, as concentrações plasmáticas de colesterol (colesterolemia) diminuem.

Efeitos colaterais: O córtex adrenal produz os hormônios sexuais, inclusive a testosterona, os estrógenos e a progesterona, a partir do colesterol. Assim, frente a redução do colesterol – devido ao uso de estatinas – podemos esperar que ocorra uma disfunção na produção dos hormônios sexuais o que pode levar a uma redução da libido, infertilidade e outros problemas do aparelho reprodutor.

Anticoncepcionais

Mais de 40% das mulheres que tomam esporadicamente pílulas anticoncepcionais experimentam perda de libido. A pílula reduz a testosterona, que regula o desejo sexual. Visite seu médico se o uso da pílula for o problema. Ele pode prescrever um tipo diferente de anticoncepcional, que geralmente resolve o problema.

Álcool

O consumo de bebidas alcoólicas em nosso meio fez com que o álcool se tornasse a substância mais estudada quanto a sua ação no desempenho sexual. Seu consumo sempre esteve associado à facilitação do comportamento e do desejo sexual. Muitas mulheres afirmam que o álcool aumenta seu prazer sexual. Por outro lado, estudos com marcadores fisiológicos indicam o oposto, isto é, quanto maior a quantidade de álcool, menor o prazer sexual e a capacidade de atingir o orgasmo. O álcool é considerado prejudicial ao desempenho sexual, uma vez que sua ação depressora do sistema nervoso central contribui, direta ou indiretamente, para a disfunção da ereção (clitoriana), redução da secreção vaginal, do desempenho sexual e outras disfunções sexuais.

Xenoestrógenos

A palavra “xenoestrógeno” se refere a uma série de substâncias químicas tóxicas produzidas pelo homem, que confundem os receptores celulares dos estrogênios no organismo, interferindo nas mensagens bioquímicas naturais. Podem ser compostos similares ao estrógeno ou terem a habilidade de mimetizar ou bloquear a atividade dos hormônios naturais. Xenoestrógenos como o bisfenol estão presentes em alguns tipos de plásticos e quando submetidos a temperaturas extremas são liberados e podem bloquear os receptores para a testosterona.

TESTOSTERONA E REPRODUÇÃO NA MULHER

FONTE http://www.ipgo.com.br/

Uso de testosterona antes do estímulo ovariano

As mulheres que respondem mal aos estímulos ovarianos (más respondedoras), mesmo com o uso de doses máximas de medicações, representam sempre um grande desafio ao médico especialista. Estes casos representam 9 a 24% das pacientes submetidas a ciclos de fertilização in vitro e independente do protocolo de estimulação usado, os resultados são baixos, com altas taxas de cancelamento e baixas taxas de gravidez.
Um estudo realizado por Bosdou e Colaboradores, publicado na revista Human Reproduction Update avaliou o uso da testosterona previamente a ciclos de FIV na tentativa de aumentar a resposta ovariana em pacientes más respondedoras. Esta pesquisa demonstrou que o uso de testosterona transdérmica antes do ciclo de FIV parece aumentar a taxa de gravidez em 15% e a taxa de nascimento em 11%. Além disso, diminui a dose de gonadotrofina necessária e o número de dias de estímulo. Embora ainda sejam necessários mais estudos, este trabalho aponta uma nova possibilidade de tratamento complementar para as pacientes com baixa resposta à estimulação ovariana.
Quatro publicações estudaram o uso da testosterona prévia nos tratamentos de fertilização in vitro: 2 com gel e 2 com patch.

Gel de testosterona:

1- Estudo feito na Coréia do Sul com 110 pacientes más respondedoras, onde metade recebeu testosterona gel 1% – (dose equivalente a 12,5 mg de testosterona com taxa de absorção de 10%), por 21 dias prévio ao ciclo associado a pílula. No grupo controle só deu pílula. Em todas foi usado Cetrotide. Observou: menos doses de gonadotrofina necessárias, menos dias, maior numero de óvulos coletados e fertilizados, mais embriões bons, maior taxa de implantação e maior taxa de gravidez no grupo de testosterona. Não foi observado efeito colateral.

2- Estudo realizado em paris com 50 mulheres, metade usou testosterona 1% 1g/dia (equivalente a 10 mg de testosterona por dia, com absorção de 10%). Usou por 15 a 20 dias antes do ciclo (durante o lupron ou durante uso de pilula), não houve diferença entre os grupos.

Patch (adesivo) de testosterona:

3- Estudo feito em Barcelona com 62 mulheres. Todas tiveram protocolo longo. Quando confirmava a supressão, metade usou 5 dias de patch de testosterona 2,5 mg/d antes de iniciar o estimulo. Houve menor número de ciclos cancelados, menor dose de gonadotrofina e menos dias.

4- Este estudo avaliou 25 más respondedoras e repetiu o protocolo prévio usando também 5 dias de adesivo de testosterona antes do estímulo e das 25, 20 tiveram melhor resposta com aumento de número de embriões e a taxa de gravidez foi de 30%.

CONCLUSÃO:

Apesar de já bastante conhecidas, as disfunções sexuais femininas deixam de ser diagnosticadas, muitas vezes, por inibição da paciente (que não apresenta a queixa) ou do médico (que se constrange de investigar). O diagnóstico desses quadros é de suma relevância, uma vez que interferem na qualidade de vida, além de estarem geralmente associados a questões de saúde geral. Analisar a função sexual da mulher auxilia, ainda, na identificação da causa de muitos conflitos psíquicos e relacionais e/ou quadros psiquiátricos. O tratamento das disfunções sexuais femininas é tanto mais difícil quanto mais precoces a instalação do quadro e a fase do ciclo de resposta sexual atingida. Comparativamente com os recursos já existentes para as disfunções sexuais do homem, as mulheres disfuncionais contam com menor número deles e menos critérios terapêuticos estabelecidos para fazer frente à saúde sexual de seus parceiros. A investigação clínica de rotina traz à tona a relevância da questão e a necessidade de mais pesquisas.

REFERÊNCIAS:

1- Estudo publicado no renomado THE JOURNAL OF CLINICAL ENDOCRINOLOGY & METABOLISM de abril de 2011, diz que altos níveis de testosterona aumentam a massa óssea, massa magra e diminuem gordura em mulheres mais velhas.

Higher Serum Free Testosterone Concentration in Older Women Is Associated with Greater Bone Mineral Density, Lean Body Mass, and Total Fat Mass: The Cardiovascular Health Study

http://jcem.endojournals.org/content/96/4/989.abstract?sid=1cb1685d-41f6-4e10-bde2-264de7aae6c2

2- Estudo mostra que testosterona melhora a libido em mulheres.

Testosterone therapy in women: a review.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15889125

3- Estudo mostra que deficiência de testosterona em mulheres é sugerida pela diminuição do bem-estar, cansaço persistente e inexplicável, diminuição do desejo e da receptividade sexual. Além disso o tratamento traz poucos efeitos adversos que podem ser totalmente manipulados se os níveis sanguíneos deste hormônio forem controlados.

A clinical update on female androgen insufficiency–testosterone testing and treatment in women presenting with low sexual desire.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16800391

4- Estudo publicado no THE JOURNAL OF CLINICAL ENDOCRINOLOGY & METABOLISM mostra que o uso de estrogênios pela boca (via oral) aumenta a SHBG e diminui a testosterona livre, o que diminui massa muscular e óssea em mulheres.

Associations among Oral Estrogen Use, Free Testosterone Concentration, and Lean Body Mass among Postmenopausal Women

http://jcem.endojournals.org/content/85/12/4476.abstract?sid=5854c16d-8f99-46b9-aaa0-3c65ab043c04

5 – Insuficiência androgênica na mulher e potenciais riscos da reposição terapêutica – Arquivos Brasileiros de Endocrinologia.

Na mulher, os androgênios decrescem lenta e progressivamente a partir da quarta década e por toda a vida. O declínio dos androgênios pode gerar um estado de deficiência que se manifesta insidiosamente por diminuição da função sexual, bem-estar e energia, alterações na composição corporal e perda de massa óssea. Se há história de ooforectomia bilateral, pan-hipopituitarismo, supressão da androgênese adrenal e/ou os níveis séricos de testosterona biodisponível se encontram reduzidos, é provável que estes sinais e sintomas sejam aliviados pela administração criteriosa de androgênios, cuja prática tem se difundido. Nas doses atualmente preconizadas, parece que os benefícios sobre massa óssea, sexualidade e qualidade de vida são alcançados sem importantes efeitos colaterais de virilização.”

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0004-2730&lng=en&nrm=iso

6- Projeto Diretrizes da Associação Médica Brasileira e do Conselho Federal de Medicina:

Terapêutica androgênica em mulheres: notem que que neste projeto da Sociedade Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia a avaliação de níveis laboratoriais não se faz necessária.

http://diretrizes.amb.org.br/_BibliotecaAntiga/terapeutica_androgenica_feminina.pdf

7 – Reposição de testosterona melhora o desejo sexual e diminui a angústia.

Evaluation of the clinical relevance of benefits associated with transdermal testosterone treatment in postmenopausal women with hypoactive sexual desire disorder.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17627745

The role of testosterone in the management of hypoactive sexual desire disorder in postmenopausal women.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19487090

Androgen therapy in women, beyond libido.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23647457

8 – Excelente artigo de revisão sobre diminuição do desejo sexual em mulheres.

Sexual Function in Elderly Women: A Review of Current Literature

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3349920/

9 – Disfunção sexual em idosos: idade ou doença.

Sexual dysfunction in the elderly: age or disease?

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16391544

Clinical Inquiry: which treatments help women with reduced libido?

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23405381

Androgens in women before and after the menopause and post bilateral oophorectomy: clinical effects and indications for testosterone therapy.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22757734

10 – Revisão sobre a reposição de testosterona na mulher.

Testosterone therapy in women: a review

http://www.nature.com/ijir/journal/v17/n5/full/3901334a.html

11 – Reposição de testosterona diminui o colesterol total, o ruim ( LDL) e aumenta o bom (HDL).

Lipid profile modifications in post-menopausal women treated with testosterone gel.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22115702

12- Associação entre testosterona e “status” de relacionamento entre homens e mulheres.

Sociosexuality moderates the association between testosterone and relationship status in men and women.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21645516

13- O desejo e excitação sexual e as diferenças hormonais em mulheres holandesas e dos EUA na pré-menopausa, com ou sem desejo sexual.

Sexual desire, sexual arousal and hormonal differences in premenopausal US and Dutch women with and without low sexual desire.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21514299

14- Testosterona melhora a perda da libido em mulheres usando antidepressivos

De acordo com recente trabalho publicado no The journal of Sexual Medicine em março de 2014 pelo grupo do Dr. Fooladi da Monash University em Melbourne na Australia “A terapia com testosterona transdérmica resulta em um aumento significativo no número de eventos sexuais satisfatórios em comparação com a terapia com placebo, em mulheres com perda da libido por uso de inibidores seletivos da receptação de serotonina/inibidores da receptação de serotonina e noradrenalina (SSRI/IRSN). Isso fornece a primeira evidência de que a terapia com testosterona transdérmica pode ser uma opção para o tratamento de mulheres com perda da libido por uso de SSRI/IRSN, que precisam manter sua terapia antidepressiva.”

Testosterone improves antidepressant-emergent loss of libido in women: findings from a randomized, double-blind, placebo-controlled trial.

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=Fooladi%2C+The+journal+of+Sexual+Medicine%2C+march+2014

15. Clinical management of low ovarian response to stimulation for IVF: a systematic review.

http://humupd.oxfordjournals.org/content/9/1/61.long

16. Pretreatment with transdermal testosterone may improve ovarian response to gonadotrophins in poor-responder IVF patients with normal basal concentrations of FSH.

http://humrep.oxfordjournals.org/content/21/7/1884.long

17.The effect of transdermal testosterone gel pretreatment on controlled ovarian stimulation and IVF outcome in low responders.

http://www.fertstert.org/article/S0015-0282(10)02203-X/abstract

18. How to improve the probability of pregnancy in poor responders undergoing in vitro fertilization: a systematic review and meta-analysis.

http://www.fertstert.org/article/S0015-0282(08)00004-6/abstract

19. Androgen and follicle-stimulating hormone interactions in primate ovarian follicle development.

http://press.endocrine.org/doi/abs/10.1210/jcem.84.8.5929?url_ver=Z39.88-2003&rfr_id=ori%3Arid%3Acrossref. org&rfr_ dat=cr_pub%3Dpubmed&

20.Impact of androgens on fertility – physiological, clinical and therapeutic aspects.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=Impact+of+androgens+on+fertility+%E2%80%93+physiological%2C +clinical+and+therapeutic+aspects.+Reprod+Biomed+Online+2005%3B5%3A570%E2%80%93580.

21.Effect of androgen levels on in vitro fertilization cycles.

http://www.fertstert.org/article/S0015-0282(04)00258-4/abstract

22. Transdermal testosterone may improve ovarian response to gonadotrophins in low-responder IVF patients: a randomized, clinical trial.

http://humrep.oxfordjournals.org/content/24/2/349.long

23. Testosterone improves antidepressant-emergent loss of libido in women: findings from a randomized, double-blind, placebo-controlled trial.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24433574

24. Álcool, drogas e função sexual: uma revisão.

http://apps.einstein.br/alcooledrogas/novosite/atualizacoes/ac_100.htm

25. Testosterone treatment for hypoactive sexual desire disorder in postmenopausal women.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17394595

26. Sexual side-effects of contemporary antidepressants:Review.

http://anp.sagepub.com/content/43/9/795.long

27. Safety and efficacy of a testosterone patch for the treatment of hypoactive sexual desire disorder in surgically menopausal women: A randomized, placebo-controlled trial.

http://archinte.jamanetwork.com/article.aspx?articleid=486664

28. Effects of aromatase inhibition on sexual function and wellbeing in postmenopausal women treated with testosterone: A randomized placebo controlled trial.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16607097

29.Safety and efficacy of a testosterone metered-dose transdermal spray for treatment of decreased sexu satisfaction in premenopausal women: A placebo-controlled randomized, dose-ranging study.

http://annals.org/article.aspx?articleid=740549

30. Is decreased libido associated with the use of HMG-CoA-reductase inhibitors?

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15327593

31. Neuropsychiatric adverse events associated with statins: epidemiology, pathophysiology, prevention and management.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24435290

32. The Association of Statin Use and Gonado-Sexual Function in Women: A Retrospective Cohort Analysis.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25382624

33. An updated review of environmental estrogen and androgen mimics and antagonists.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/9699867

34.Abordagem das disfunções sexuais femininas

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-72032008000600008

35. Efeito protetor da testosterona no câncer de mama

http://www.medicinacomplementar.com.br/biblioteca/pdfs/Cancer/ca-2942.pdf

36. Terapêutica Androgênica Feminina.

http://www.projetodiretrizes.org.br/diretrizes10/terapeutica_androgenica_feminina.pdf

37. Transdermal testosterone treatment in women with impaired sexual function after oophorectomy.

http://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJM200009073431002

38. Testosterone influences libido and well being in women.

http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1043276000003337

39. Safety and efficacy of a testosterone patch for the treatment of hypoactive sexual desire disorder in surgically menopausal women: a randomized, placebo-controlled trial.

http://archinte.jamanetwork.com/article.aspx?articleid=486664

40. The role of testosterone therapy in postmenopausal women: position statement of The North American Menopause Society.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=North+American+Menopause+Society.+The+role+of+testosterone +therapy+in+postmenopausal+women%3A+position+statement+of+The+North+American+Menopause+Society.+Menopause+2005%3B+12%3A496-511.

41. Effect of intravaginal dehydroepiandrosterone (Prasterone) on libido and sexual dysfunction in postmenopausal women.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=Labrie+F%2C+Archer+D%2C+Bouchard+C%2C+Fortier+M%2C+ Cusan+L%2C+Gomez+JL%2C+et+al.+Effect+of+intravaginal+dehydroepiandrosterone+(Prasterone)+on +libido +and+sexual+dysfunction+in+postmenopausal+women.+Menopause+2009%3B16%3A923-31.

42. Efficacy and safety of a testosterone patch for the treatment of hypoactive sexual desire disorder in surgically menopausal women: a randomized, placebo-controlled trial.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=Davis+SR%2C+van+der+Mooren+MJ%2C+van+Lunsen+RH%2C+ Lopes+P%2C+Ribot+C%2C+Rees+M%2C+et+al.+Efficacy+and+safety+of+a+testosterone+patch+for+the+treatment+of+hypoactive+sexual+desire+disorder+in+surgically+menopausal+women%3A+a+randomized%2C+placebo-controlled+trial.+Menopause+2006%3B+1 3 %3A387-96.

43. Female Anatomy 101: 7 Eye-Opening Facts About The Clitoris That Will Make Your Jaw Drop

http://www.medicaldaily.com/female-anatomy-101-7-eye-opening-facts-about-clitoris-will-make-your-jaw-drop-302630?utm_content=bufferb4be2&utm_medium=social&utm_source=twitter.com&utm_campaign=buffer

44. Aspectos diagnósticos e terapêuticos das disfunções sexuais femininas.

https://www.researchgate.net/profile/Taki_Cordas/publication/247853426_Efeitos_colaterais_dos_psicofarmacos_na_esfera_sexual/links/55ae439008ae98e661a653b6/Efeitos-colaterais-dos-psicofarmacos-na-esfera-sexual.pdf#page=50

45. Testosterone for Low Libido in Postmenopausal Women Not Taking Estrogen

http://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMoa0707302#t=article

46. Oral contraceptive use and saliva diurnal pattern of metabolic steroid hormones in young healthy women.

http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0010782414007823

47. Testosterone in women—the clinical significance

http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S2213858715002843

48. Testosterone for peri- and postmenopausal women.

http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/14651858.CD004509.pub2/full
49. Breast cancer incidence in postmenopausal women using testosterone in addition to usual hormone therapy.
http://journals.lww.com/menopausejournal/Abstract/2004/11050/Breast_cancer_incidence_in_postmenopausal_women.6.aspx

50. The use of androgens or androgen-modulating agents in poor responders undergoing in vitro fertilization: a systematic review and meta-analysis.

http://humupd.oxfordjournals.org/content/18/2/127.long

Dr. Roberto no Instagram

Visualize as dicas e informações para uma vida mais saudável direto no Instagram


Acessar

Dr. Roberto no Facebook

Dr. Roberto Franco do Amaral Neto
Dr. Roberto Franco do Amaral Neto
Médico CRM: 111370

437 Comentários

  1. a disse:

    tenho em minha família tias,avó,mãe q já tiveram câncer da mama,posso usar testosterona creme na pele?

  2. Anibal cunha disse:

    minha esposa tem na família tias,avó,mãe q já tiveram câncer da mama,pode usar testosterona creme na pele?

  3. Anibal cunha disse:

    quem já teve parentes perto como mãe vó tias que tiveram câncer de mama pode usar testosterona 1 creme na pele?

  4. Samara disse:

    Olá,
    Qual o motivo da contra-indicação aos pacientes com síndrome dos ovários policísticos?

  5. Vanessa Oliveira disse:

    meu médico receitou a testosterona por estar baixo o nível comprovado por exames, indicou usa-la na vulva a noite. Existe outra mucosa que possa ser usada? ou outro meio? pois a vulva ficou inchada e grande…Obrigada. Adorei seu blog!

  6. daniela disse:

    onde compro a testosterona bioidêntica ? Somente com receita médica?

  7. Priscila disse:

    A minha vida foi usar pílula anticoncepcional desde uns 14 anos, devido as espinhas que tinha muito e a minha Gineco dizia q seria a melhor opção pra cuidar da pele. Só que hj com 28 anos, casada, percebi que não tenho libido qdo estou tomando anticoncepcional e trato meu marido como irmão (fico totalmente frigida). Mas qdo paro de tomar a pílula (uns 2 ou 3 meses depois) o amor pelo meu marido volta e tenho desejo novamente. Só que qdo paro a pílula tbm volta incontrolávelmente a acne (que não pára de sair nem com antibióticos e ácidos). Já tomei Roacutan por 6 meses (2 compr/dia) ano passado e esse ano de 2014 voltou as malditas espinhas. Comecei um novo ciclo do Roacutan, agora com 3 compr/dia, dosagem máxima por 5 meses. Pq segundo a minha atual Dermato, disse que o tratamento com o Roacutan ano passado faltou 4 caixas, por isso que não deu certo.
    Enfim, gostaria de saber se caso voltar a acne, depois deste Roacutan que estou tomando pela segunda vez, terei que voltar a tomar a maldita pílula anticoncepcional? E assim, dar a Deus ao meu casamento? Pq não gosto de fingir prazer como muitas mulheres que conheço fazem. Ou tenho a opção da testosterona bioidêntica?
    Obrigada

  8. Elaine disse:

    Roberto, usei anticoncepcional por 3 anos e minha líbido acabou, parei há 10 meses e continuo sem desejo.
    Existe algum tratamento natural que possa aumentar a produção da minha testosterona sem esses efeitos masculinos citados à cima? São terríveis para uma mulher.

    • Basta não exagerar na dose de testosterona. Praticamente todos efeitos colaterais são dose dependente. Uma forma natural é usar tribulus, maca, mucuna e l tirosina além de fazer HIIT para aumentar produção de testosterona

  9. Sara disse:

    Boam dia, tenho SOMP e uso ACHO Elani continuo, meus ovários estão de tamanho reduzido, mas todas as vezes que faço pausa tenho acne abundante, não tenho mais libido e venho ganhando peso. O que eu poderia fazer sendo que não posso parar com a pilula???

  10. Daniela Lopes disse:

    Dr. Roberto, comecei a usar o gel testosterona por indicação médica. Como faço academia isso pode me trazer benefícios em relação a massa muscular e diminuição da celulite?
    Abraços,
    Daniela

  11. Neila disse:

    Fiz exame recentemente e meu resultado de testosterona foi inferior a 20 o médico disse que esta um pouco baixo mas não receitou nada… deve procurar outra opnião médica ou o resultdo esta certo.

  12. marina disse:

    Olá dr Roberto, gostaria de saber se os adesivos de testosterona entram nessa lista de cremes ou gel de alta absorção e se o uso é: usar durante 3 meses e fazer intervalo de 3 meses no primeiro ano de uso? Obrigada, Marina.

  13. anacarb disse:

    Em quanto tempo o gel começa a fazer efeito?

  14. América Cristina Laydner Medina disse:

    Fiz uma histetectomia total há 3 meses, incluindo ovários Faz 2 meses q estou fazendo reposição hormonal em gel(ESTREVA).Gostaria de saber se posso fazer reposição de testosterona . Não retornei as atividades físicas ainfa, fazia musculação regularmente há 2 anos.

  15. Pedro Augusto Ramos disse:

    Dr.Roberto, como faço para saber se estou tomando a dose certa de testosterona. Por exemplo, se em exame eu obtenho uma dosagem de 20ng/dl de testosterona, como faço para calcular quanto tenho de tomar de testosterona diariamente para atingir o nivel correto. Uma outra pergunta: quando eu fizer um novo exame e o nível de testosterona adequado foi realizado, eu continuo com a ultima dosagem de reposição ou eu paro de tomar? Dr. Roberto faço essas perguntas, por que tenha uma amiga que foi ao médico e ele receitou para ela testosterona, que logo após um meses começaram a aparecer cabelos na face, foi complicada para ela, foi em outro médico para resolver o problema. Agradeço pela resposta.
    Eliene Ramos

    • A dose certe apenas seu médico poderá te responder mas o principal parâmetro é o que está sentindo com a reposição e a presença de ef. colaterais. Exame de sangue é secundário neste tratamento

  16. Josie Fischer disse:

    Faço uso do gel há 1 ano, nos exames de rotina, minha testosterona total deu 196, está correto ou muito alta?

  17. Regiane disse:

    Olá, Dr Roberto!
    Estou com 12 de resultado de testosterona no exame, e um cisto de 4 cm no ovário esquerdo . Além de ter ficado depressiva. Acha que a indicação do hormônio através de sache-gel é indicado?
    Obrigada.

  18. Fran disse:

    Minha testosterona deu 20. Faço academia ha quase dois anos e estagnei nos resultados. Tenho cansaço, meus exercícios não rendem e tenho gordura abdominal. Controlo a alimentação mas não vejo evolução. Minha médica passou o hormônio em pomada. Corro o risco de ter os efeitos colaterais irreversíveis? Obrigada!

  19. Aliny disse:

    olá!! Gostaria de saber se a reposição testosterona pode dar alguma reação, como por exemplo dores forte de cabeça… Estou fazendo reposição via gel e desde então estou sentindo muita dor de cabeça, tem alguma relação?

    • Pode fazer vasodilatação sim e dor de cabeça como consequência disso. Basta esperar um pouco, tomar bastante água que melhora

      • viviane disse:

        Nossa que maravilha! Estsva com a mesma duvida! Minha testosterona livre estava 0,038, estou fazendo reposicao com esse gel de testosterona ( 10 mg) tbm junto com o DHEA( 50mg) e todos os dias muita dor de cabeca! Muito obrigada Dr, adorei! me ajudou muito! 😀

  20. Silvana disse:

    Gostaria de saber se a reposição de testosterona aumenta os sintomas da menopausa, como os calores excessivos.

  21. Elise disse:

    Gostaria de saber se a dosagem é em mcg ou ng?

  22. zuleika disse:

    Iniciei uso de testosterona e fiquei com os mamilos doloridos…é normal…

  23. MARIA DA SILVA DIAS disse:

    Boa noite, faço uso de testosterona biodentica durante mais de 1ano, repeti o exame e nada mudou (20). Nem mesmo oscilou, durante todo ano o resultado =20.
    Qual a causa?Como posso tratar essa deficiência?
    Att
    Maria

    • Mais importante que melhorar o nível laboratorial é melhorar os sintomas da falta deste hormônio no corpo.

      • Rosa castro disse:

        0 de Boa noite iniciei o uso de testosterona topico de 2 MG sendo 1 pump 02 X ao dia e uso angelic. Tenho 56 anos e estou fazendo por ter iniciado musculação por causa da flacidez. Tenho receio das contra indicações está dosagem é muito alta para ser administrada por 03 meses. Qtos meses são necessário para surtir efeito ? Aguardo resposta por email . Obrigada

        • oLA! quem deve te avaliar melhor é o médico que te prescreveu que imagino ter excluído contra indicações de uso. A dose é individualizada conforme níveis laboratoriaís,quadro clínico resposta clínica apresentada com o uso do hormonio

  24. paulina fernandes de souza disse:

    Dr. Roberto: tenho 64 anos, sou hipertensa. Posso usar o gel de testosterona?

  25. wanderlan disse:

    usei testosterona em gel 5% deu dormencia na perna e formigamento nas maos meu medico reduziu para 4% continuou. reduziu para 1% conseguir usar por 3 dias ai vouto o mesmo sintomas entao ele mandou eu para de usar e nao soube da explicaçao por que do sintomas tenho 45 anos sexo masculino e tenho 298 de testosterona serica

  26. Camila Paiva disse:

    Olá Dr.! Em quanto tempo começo a sentir a melhora dos sintomas com a reposição com creme transdérmico. Obrigada!

  27. Lauro Britto disse:

    Dr Roberto Amaral, parabéns pelo excelente texto informativo, tentando informar melhor nossa sociedade sobre os benefícios da modulação hormonal, uma vez que é fator direto para a excelência dos resultados do meu trabalho de Personal Trainer, compartilhei em minha rede social.

    Há uma questão, na verdade duas que ainda precisam de melhor esclarecimento que barra as pessoas para essa adoção, uma é o fato da próstata, mas o instituto longevidade já deu um parecer que o câncer ocorre normalmente na faixa de idade em que a produção esta diminuída e sobre o de mama, que é o estrógenos que alimentam estas células, já a testosterona teria um fator de proteção, que pode ser atribuído a visível redução da mama em mulheres que utilizam testosterona. Seu parecer por favor. Obrigado.

    • Lauro, mil desculpas pela demora amigo, acabou passado. Mas já há estudos que mostram que a testosterona por saturação de receptor pode ser sim um fator de proteção no câncer de mama mas acredito que a redução mamária em mulheres que fazem uso principalmente de esteróides não aromatizantes esteja mais ligada a lipólise de uma forma geral e isso não teria ligação dieta com a proteção ao câncer. Em relação ao câncer de próstata, é o desbalanço entre testosterona, estradiol e dht atrelados a inflamação crônica, submetilação, glicação, história genética e hipovitaminose D que seriam os grande responsáveis por este câncer. Ma se fala muito hoje no excesso de estrogênios mesmo como forte causador deste câncer. Aliá, atendi 2 pacientes recentemente com este câncer com estradiol três vezes acima do valor de referência e a urologia nunca tinha dosado e estava apenas acompanhado a evolução via PSA, isto é,esperando a doença chegar.Triste realidade

  28. Elaine disse:

    Boa tarde Roberto Amaral,
    Estou fazendo uso da testosterona em gel base transdermica de ultra absorção 10 mg/ml, um pump ao dia, com o objetivo de aumentar o numero dos ovulos para fertilização in vitro, como visto na reportagem acima, estou usando desde 05/09, porem minha menstruação já esta com atraso de 6 dias e sinto alguns sintomas de gravidez, como os bicos dos seios doloridos, será que tudo isso é efeito da testosterona? o atraso menstrual e a sensação de seios maiores maior sensibilidade dos mesmos? já suspendi o uso há uma semana.
    agradeço pela atençao!

  29. Viviane disse:

    Minha testosterona esta muito baixa, o estradiol elevadíssimo e o SHBG também alto. Meu médico indicou testosterona e progesterona bioidenticas creme para uso diário. Isto está correto?

  30. Adriana disse:

    Bom dia, estou com taxa de testosterona baixa e minha médica pediu para eu usar 0.5% de testosterona por 30 dias…uso o mirena…método contraceptivo intrauterino…tem algum problema?

  31. Hermínia disse:

    Boa tarde, meu pai era calvo e agora faço uso creme de testosterona(3g) + progesterona(60g) + estradiol(1g). Observei, nesses dois meses de uso – via pele – que meu cabelo está raleando e se tornando fino. Faço uso de tintas sem amônia e tonalizantes sem amônia e sem água oxigenada,e antes não havia tanta queda. Gostaria de saber se tem alguma relação entre estes fatos. (sei que mulheres não ficam calvas somente com pouquíssimo cabelo.

  32. Eunice Mendonça disse:

    Oi Dr. Roberto,

    Qual sua opinião sobre implante de hormonios bioidenticos… Qual o método de aplicação na reposição com bioidenticos você, pessoalmente , acha melhor?? Obrigada!

  33. Gislaine disse:

    Meu medico me passou uma dosagem de testosterona para tomar via oral, ao ler a coluna me pergunto está é a forma correta? 200gm testosterona e 100mg vitamina E em 90 capsulas.

  34. Marcinha disse:

    Dr Roberto… Meu exame deu baixo de tostesterona… Estou na menopausa e não tenho quase nenhum sintoma deste período a não ser a baixa da libido. Meu médico me receitou o gel 5% e pentravan 30G para colocar na pele 1 vez ao dia e pode ser durante 3 meses. Morro de medo de ter efeitos como engrossar a voz, ter mais pelos e etc… Com essa dosagem isso pode acontecer?

  35. Ci Martins disse:

    Boa tarde!
    A moda das academias agora é o Somatodrol, gostaria de saber se há uma dosagem segura deste suplemento que pode ser utilizado por mulheres, sem grandes efeitos colaterais, pois é um estimulante da produção de testosterona. O fabricante diz que aumenta em 30% a produção da testosterona, e a dose seria dois comprimidos ao dia para homens.

  36. Marcinha disse:

    Gostaria de saber então se dosagem bem baixa do gel testosterona aplicada no anti braço pode fazer engrossar a voz, ter mais pelos, aumentar o clítoris por exemplo. Ou isso só acontece com dosagens altas.

  37. andrea disse:

    Dr Roberto, tenho 51 anos e entrei na menopausa aos 44, sofro de muito calor, faço academia 3 x na semana com personal, e não consigo abter massa muscular, estou toda flácida, acho que é genética, pois minha avo materna e mãe são demais. Já tomei BCAA, whey Protein, e nada. Meu ginecologista é contra eu tomar hormônios, pois a família do meu pai tem muito câncer e perdi 1 tio por parte de mae com câncer no intestino. Minha dermatologista que é apenas de beleza, passou para eu tomar ; TESTOSTERONA BIOIDENTICA 1% ao deitar passar nas pernas e entre coxas e;
    TRIBULUS TERRESTRIS COM L.CARNITINA tomar duas capsulas ao dia. Eu gostaria de saber se tem problema eu passar testosterona na pele, sendo que já tomo tibolona 2,5% . Posso continuar com o tibolona ? Posso passar este creme 1,0 ml ao dia ? O sr, acha que vou melhorar com isso ?
    Boa noite e obrigada.

  38. Leidiana disse:

    Olá, Me ajude com uma informação, tenho duas dúvidas:
    1) Vi que os valores de testosterona livre no exame laboratorial que fiz são 42 pmol/l. Em caso de reposição, um excesso, ou seja, a ocorrência de sintomas adversos dar-se-a quando ultrapassar esta taxa ou pode ocorrer antes, mesmo abaixo do limite feminino.
    2) E, tenho problemas com acne, mesmo já tendo realizado o exame para verificar sobre ovário policístico algumas vezes, com resultado negativo, existe outro fator que devo verificar antes de iniciar a reposição.

    Obrigada,

    Leidiana

  39. Joana Maximus Ferreira disse:

    Estou fazendo uso de testosterona em gel 5%, pois está abaixo do normal. Para ser eficaz, preciso trocar o uso da pílula anticoncepcional por injeção? Tenho medo de engravidar.

  40. Paula disse:

    Dr gostaria de pedir que se possível escrevesse um artigo sobre a menopausa precoce tive endometriose e retirei os ovarios aos 35 anos, é bem complicado fiz uso infelizmente desses medicamentos de farmácia,horrível….recentemente descobri o bioidentico,mas menopausa precoce é pouco comentada nos artigo,se poder eu agradeço.Parabéns pelo blog ,ótimos artigos!!!

  41. Suzane disse:

    Ola, boa tarde
    Gostaria de saber se o uso de dhea interfere no efeito do anticoncepcional

  42. Àngella disse:

    Dr. Tenho 61, já estou na menopausa e não faço mais nenhum tipo de reposiçào hormonal , deixei de fazer à um mês .Posso fazer uso de progesterona ?

    • Olá!! Qualquer tipo de reposição hormonal dever ser indicada por um médico em consulta presencial . A reposição, caso não haj a contra indicações deve ser feita com estradiol e progesterona

      • Gabriela disse:

        Olá Dr Roberto! No caso de reposição de testosterona, a oxandrolona é válida? Qual seria a diferença já que os efeitos colaterais são praticamente os mesmos? Agradeço desde já!

  43. Maria Elizete Ghisi disse:

    Olá!! quando comecei usar testosterona creme no exame de laboratorio era 20,46ng, depois de mais de 5 meses fazendo a reposição fiz o exame novamente e caiu para 2,00ng, é normal? Pois tenho sintomas.

  44. valdir disse:

    como faço para levar minha esposa a este medico , para que ele possa pedir os exames para esta reposição hormonal ? Qual é esta especialidade ?

  45. Roseneire Nogueira Franca disse:

    Ola, Dr Roberto

    Dr Roberto, o uso da testosterona em gel ou creme aumenta a massa musculare consquente queima gordura? Porque faco musculacao e gostaria de ter esta informacao antes de comecar com a medicacao.Muito Obrigado

  46. monique disse:

    Ola no meu caso esta ao contrario o nivel de testosterone esta mais de 350 e nunca usei nada é natural mesmo , tomo pirula somente o q me acha , pq desse niveis tao alto

  47. maria vitoria porto carmo disse:

    Bom dia, Dr. Uso o DIU Mirena, há alguma contra indicação do uso do gel de testosterona a 1% ?

  48. marly disse:

    boa noite Dr faço uso da testosterona gel 1.5 o medico mandou passar nas laterais da coxa so pode ser neste lugar? tenho que passar ate sumir o gel? ou passo e deixo absorver por ele mesmo? muito obrigada

  49. suelen marqued disse:

    Oi doutor tomo contraceptivo sem parar e não tenho vontade de fazer sexo com meu marido faço uso da medicação a anos sera que teria algo com remédio me ajude obrigado

  50. Karina disse:

    Olá Dr. Roberto, comecei a perceber a falta de desejo sexual e recentemente fiz exame de sangue e meu nível de testosterona deu 8, esse valor é muito abaixo do normal?! Pode estar ligada à essa taxa?!

    Obrigada!

  51. JULIANA disse:

    boa tarde! Dr. tenho 30 anos estou fazendo o uso do medicamento via oral de testosterona 2,5 mg pois o resultado de exame estava baixo. é a melhor opção? ou o creme seria melhor? os efeitos colatreai sao os mesmos

  52. taiz disse:

    ola´,usei testosterona para engravidar mas a 3 meses a menstruação nao vem é normal?

  53. Célia disse:

    Boa tarde dr. Roberto tudo bem?
    Eu tenho 48 anos e sofro de insônia desde os 37 anos. No início dos sintomas procurei um psiquiatra que me receitou antidepressivo (amitriptilina) . Percebi que está medicação além de melhorar o sono também melhorava o orgasmo. Infelizmente depois de três anos parei de tomá-la por que havia ganho 5 kgs, dai o médico mudou para donaren retard 150mg que também me ajudaram a dormir melhor, não afetava meu peso mas em compensação me tornei anorgasmica. Conversando com meu ginecologista (após mais três anos utilizando está medicação) sobre a falta de orgasmo ele decidiu que seria melhor repor a testosterona (meus hormônios femininos ainda estão relativamente altos mas a testosterona e igual a 9) e sugeriu para eu parar de tomar o antidepressivo e procurar um reumatologista ( sou fibromialgia e a insônia e dores no corpo teria mais a ver com esta especialidade do que com psiquiatra). Resumindo: atualmente tomo lyracs para fibromialgia e faço reposicao de 0.5mg de testosterona gel. Doutor com a reposicao de testosterona, e possível uma melhora na insônia e nas dores no corpo? E no caso de uma depressão leve a moderada pode ajudar também? Grata,
    Célia

  54. Kelvia disse:

    Olá, Doutor.
    Tenho 35 anos e o resultado da minha TESTOSTERONA TOTAL é de 190,6 ng/dL, TESTOSTERONA LIVRE é de 0,047nmol/L e 13,54 pg/mL, PROLACTINA 13,8 ng/mL, PROGESTERONA 0,21 ng/mL, ESTRADIOL 119,9 pg/mL. Você acha que esse resultados estão anormais? Estou tentando engravidar do segundo filho, isso atrapalha?

  55. jessyk disse:

    Dr Roberto meu problema é acne. Existe algum controle da testosterona que diminua ela mas nao como o anticoncepcional oral diminui ? Obrigada !

  56. Isabel disse:

    Tenho 55 anos e tenho transtornos da menopausa, uma delas a completa falta do libido. Estou procurando um ginecologista que aceite receitar testosterona. Porque os que eu fui nem quer ouvir falar… Eu não quero tomar sem fazer exames, mas pelo menos saber qual é minha taxa para poder tomar.
    Peço por favor alguma indicação de um ginecologista ( em São Paulo ) esclarecido quanto ao uso de testosterona. Obrigada!!!!

  57. CARLA disse:

    BOA NOITE DR.ROBERTO AMARAL ESTOU USANDO TESTERONA AXERON A MANDO DE MINHA MEDICA 2 X POR SEMANA MAS NAO ESTOU SENTINDO DIFERENCA SERA QUE AUMENTO PARA MAIS VEZES OU POSSO PASSAR TODOS OS DIAS OBRIGADA DES DE JA PELA ATEN;AO

  58. camila disse:

    Dr, descobri que a testoterona livre calculada está baixissima, 0,02ng/dl. Trocando o anticoncepcional é possivel aumentar este nivel??

  59. Helena disse:

    Estou com 57 anos, minha médica receitou aquele gel pump testosterona 5 mg e pentravan 1 ml.
    Será que posso ter alguma esperança em aumentar minha libido ?

  60. Ana Clara disse:

    Doutor, fui diagnosticada a 6 anos atrás com SOP e partir dessa época comecei com o ACO…porém agora estou fazendo um acompanhamento com um endocrino que recomendou que eu parasse com o ACO para fazer vários exames de sangue…em resumo, já faz 6 meses que não menstruo e mesmo sem o ACO minha testo continua muito baixa…tentei tratamento com progesterona em gel ( por querer me livrar do ACO) e não obtive resultados, vou acabar voltando com o remédio e penso que minha testo nunca voltará ao normal…nesse caso,mesmo tendo SOP posso fazer a reposição?

  61. cyndy disse:

    Ola gostaria de saber se ha algum e-mail em que eu possa entrar em contato com o senhor, pois faço enfermagem e estou pensando em usar o tema da falta de libido nas mulheres de todas as idades, no meu projeto TCC. Desde já agradeço.

  62. Enila disse:

    Boa tarde , fiz um exame de sangue e a minha taxa de testosterona deu 31 está normal?
    qual é o normal em mulheres de 30 anos?
    Obrigada.

  63. Danielle leira gonçalves disse:

    Boa tarde!
    Fiz exame de tostesterona e o Lado tinha uma observação: não foi possível realizar o valor total,pq o valor total esta menor que 2. E Eu tenho sentido muito cansaço, fadiga e libido.este resultado quer dizer o que?

  64. Paula disse:

    Dr., tenho 23 anos, tomava Yaz e tinha muita dificuldade em ganhar massa muscular e meus níveis de testosterona livre estão baixíssimos (9 ng/dl). Meu médico indicou que eu trocasse para o EVRA e eu já troquei. Você acha que a minha testosterona vai aumentar apenas com a troca do anticoncepcional?

  65. Elisangela disse:

    Dr. Roberto, boa noite!

    Mulheres grávidas podem fazer o tratamento para o kibido? Pergunto pois estou de cinco meses e perdi totalmente o libido sexual.
    Obrigada
    Elisangela

  66. Carolina Ferreira disse:

    Tomo o anticoncepiona Tâmisa 20 há vários anos e recentementee indicar o uso do Tribulus Terrestris para melhorar o libido e o ânimo para exercícios físicos, pois aumenta a produção de testosterona. Gostaria de saber se pode cortar ou diminuir o efeito do anticoncepcional.

  67. Ana Paula disse:

    Olá, gostaria de saber do Dr. e das meninas que participam se o uso de testosterona em gel aplicado na vulva pode aumentar o clítoris ou os pequenos lábios.

    • Hipertrofia clitoriana pode ocorrer se a dose for excessiva e se mantida por muito tempo. EM GERAL é um efeito que ocorre mais com o uso de testosterona injetável do que tópica

  68. Pao disse:

    Olá Doutor! Gostaria de saber qual o método contraceptivo mais indicado que não interfira na libido.

  69. Mariana disse:

    Boa noite Doutor! Parabéns pelo artigo, bastante esclarecedor. Iniciei tratamento com AXERON recentemente, conforme prescrição médica. A principal intenção é o aumento da libido, que aos meus 30 anos, estava nulo. Ainda não pude observar melhora importante. Qual o tempo médio para verificação (ou não) dos resultados? O senhor recomenda este medicamento? Vejo que a maioria das mulheres faz uso do gel… Desde já grata!

  70. ANDREA disse:

    Roberto,
    Adorei seu site… suas explicações são ótimas e embasadas!
    Eu tomo anti depressivo há 1 ano e vou iniciar a retirada do medicamento (o que ainda vai levar uns 3 meses) … minha libido ficou péssima no período…mas tive outros beneficios… (podia ter te conhecido antes!) (Minha ginecologista indicou o gel transdermico de testosterona 1% há uma semana, quando me queixei; mas ainda não comecei pois tenho 3 questões… 1. como estou em dose remissiva do antidepressivo vale a pena iniciar com a testo? 2. caso a resposta seja afirmativa, por quanto tempo devo manter o gel e como faço para tirar (parar o usodo hormonio) sem ter prejuízo ou deficiência no meu organismo depois? 3.ou devo usar pra sempre? Obrigada!!

  71. tania disse:

    reposição com testosterona 200CH da omeopatia da resultado

  72. LIILIAN disse:

    Olá, Dr., estou aumentando e a minha testosterona está praticamente zerada, o cortisol tem esta alterado(Baixo). Engordei muito nos últimos meses, e tenho uma vida bem agitada. Minha gineco receitou testosterona de 5mg sublingual por 60 dias. Tenho q parar de amamentar?

  73. Fernanda disse:

    Dr. Roberto, parabéns pelo excelente site! Há 12 anos (tenho 31), descobri um tumor na hipófise secretor de prolactina e desde então, passei a fazer uso contínuo do medicamento Dostinex (Cabergolina). Mas, uma das coisas que mais quero é encontrar uma alternativa natural ao medicamento para tratar ou curar a hiperprolactinemia, pois observo que a irregularidade do meu ciclo
    menstrual afeta muito minhas emoções… pelo que tenho lido, a dopamina diminuição a secreção
    de prolactina, é isso mesmo? Vi que há uma planta, agnus castus, que tb aumenta a dopamina e por
    isso, controla a produção de prolactina. Já atenderam alguma paciente com este problema ou já
    efetuaram algum estudo sobre o tema? Há alguma solução pra o meu problema?
    Aguardo o contato. Muito obrigada!

    • Sim , você está correta, dopamina diminui prolactina, não tenha casos assim mas seguindo a fisiologia isto é verdade. A Clínica Higashi em Londrina pode te orientar melhor quanto a isso

  74. Fabiana disse:

    Gostaria de saber se existe alguma pílula anticoncepcional que não aumente SHBG

  75. Carol disse:

    Boa noite Dr, gostriade saber se a Melatonina pode cortar o efeito do anti concepcional

  76. Giovana disse:

    Olá, Parabéns por seu artigo. Poderia por favor indicar algum médico em Curitiba que fizesse esse tipo de tratamento? Poucos conhecem esse tipo de reposição.
    Obrigada.
    Att

  77. Roseli disse:

    Doutor, eu pedi ao meu medico para me passar hormonios para menopausa e pedi testosterona, ele me passou estrogenios conjugados 0,650 e testosterona 1,5. no inicio me senti otima,minhas insonias terminaram, meu cansaço tambem as cores ficaram com mais cor, mas minha libido nada de voltar tem um mes que estou tomando, mas esta voltando o meu cansaço de novo, sera que devo pedir para ele aumentar a dose?
    Tenho 51 anos, me responda por favor

  78. Marcia Silva disse:

    Bom dia!
    Entrei na menopausa precocemente aos 40 anos, dei início a reposição hormonal e assim o fiz por mais ou menos um ano, não tive os sintomas da menopausa e foi uma passagem muito tranquila, contudo, minha libido que era elevadíssima caiu drasticamente, lendo esta matéria me enquadrei em todos os sintomas de testosterona baixa, mas, la também diz que mulheres devem apenas receber testosterona quando ainda menstruam ou quando fazem reposição de hormônios ovarianos na menopausa como estradiol e progesterona, como devo proceder?

  79. Patrícia disse:

    Olá Dr. Roberto Amaral gostaria de tirar uma dúvida, eu posso continuar tomando o anticoncepcional e fazer a reposição com a testosterona? Isso tira o efeito da pílula?

  80. Thomas Correa disse:

    Olá! Quando se faz o uso de testo em gel, deve se usar anti estrogênio?

  81. Luceia disse:

    Olá Dr. gostaria de tirar uma dúvida, qual o melhor local para aplicar Testosterona bioidêntica?

  82. Fabricio disse:

    olá Dr, boa tarde, os exames da minha esposa foi testosterona livre 0,19 ng/dl — testosterona total inferior a 20 ng/dl…..hormonio tireostimulantes 4,54 ui-ml ……… SHBG 82,70 NMOL/ML……. PROLACTINA 6,94 NG-ML…..

    SERÁ ESTES RESULTADO POSSIBILIDADE DE DIMINUIÇÃO POR INTERESSE SEXUAL…

  83. Michelle Couto umberlino disse:

    Ol

  84. Michelle Couto umberlino disse:

    Olá Roberto Amaral
    Meu G.O. Me receitou Deposteron esse é testosterona Bioidêntica?

  85. Michelle Couto umberlino disse:

    Dr.Amaral
    Meu médico me receitou Deposteron injetável mais fiquei muito insegura,fiquei muito feliZ de achar essa matéria sobre testosterona, li toda sua matéria e pesquisei muito mais fiquei com medo sobre os efeitos colaterais sobre câncer de fígado esse deposteron é esse bioidêntico citado no seu artigo
    Muito obrigada

  86. Mariana disse:

    Dr, comecei a usar a testo bioidentica 5% gel no antebraco, 1x ao dia, de acordo com meu médico. Tem 3 semanas, mas ainda n senti alguma diferenca notoria… Quanto tempo leva pra dar algum efeito? Obrigada

  87. Ana cheide disse:

    Olá DR:fui ao meu ginecologista ontem e ele mim passou proteste rina gel
    Estou sem menstruar faz quarto mês fiz o exames e estou com o vários policitico.
    Mais estou preocupada se esse medicamento mim trará pelos.
    Espero sua resposta.
    Deus te abençoe m

  88. Andréa Cristina disse:

    Dr. Roberto, boa tarde,
    Tomo 25 mg de DHEA junto com anticoncepcional. Foi indicado para emagrecimento.
    Essa dosagem está correta? Não corta a eficácia do anticoncepcional?
    Obrigada!

  89. SONIA disse:

    TENHO 54 ANOS E PERDI TOTALMENTE A LIBIDO. PAREI DE MENSTRUAR AOS 50 ANOS. MINHA GINECOLOGISTA PEDIU EXAME DE PROLACTINA E TESTOTERONA TOTAL QUE DERAM NORMAIS.AINDA NÃO RETORNEI A CONSULTA. E GOSTARIA DE SABER SUA OPINIÃO NO QUE DEVO FAZER.GRATA

  90. mariana disse:

    Doutor, Axeron pode ser usado em mulheres? Somente nas axilas? Ou pode ser em outras partes do corpo?

  91. Júlia disse:

    Dr. fui diagnosticada com SOP, me indicaram anticoncepcional oral para ‘regulação/tratamento’. Irei consultar novamente meu médico, porém, gostaria de saber do Sr. se existe mesmo outro ‘tratamento’ para SOP, que não interfira em minha testosterona? Estou com sintomas citados de baixa testosterona e não quero de jeito nenhum isso!!!! Quero poder engravidar futuramente sim, sempre mantive uma vida saudável, tenho apenas 19 anos e estou desesperada com isso. Enfim, existe outro método para tratar esses cistos sem alterar minha testosterona? Alguma possibilidade de repor ela, junto com tratamento? Ou sei lá, alguma luz pfvr! Obs: Meus sintomas sobre SOP não foram falta de menst. e sim exagero, dificilmente tinha acnes e não tinha pelos.

    • A causa base da SOP em geral não é a testosterona em sim a insulina. Antes de bater na testo tem que bater na insulina , estar com boa composição corporal, “limpar” a dieta, se anti inflamar, corrigir estrogenizaçao por ex. Essa é a minha visão , respeito a de outros médicos.

  92. Kamila Souza disse:

    Tenho 25 anos e fiz o exame SHBG, deu bastante alto. Tomo o mesmo anticoncepcional a uns 5 anos, minha ginecologista disse que este que ela receitou é um dos mais fracos mas notei que de uns anos para cá estou engordando sem alterar nada do meu dia-dia, os pelos crescem muito rápido, enfim, todos os sintomas de quem toma anticoncepcional. Eu vejo isso como um problema e estou pensando em colocar o Dio mas não sei se isso seria a solução, qual melhor tratamento indicado?

  93. Dani disse:

    Oi Dr. Roberto! Há 2 meses fiz um congelamento de óvulos pois sou má reapondedora e meu HAM é baixo. Estou tomando DHEA pois aumenta o HAM e iniciei oxandrolona 4mg/dia. A oxandrolona pode me levar mais rápido a menopausa ou só trás benefícios para mas respondedoras? Outra coisa…após a punção ovarina tive dois cistos hemorrágicos que segundo o medico são normais após punção, a oxandrolona pode aumentar os são independentes?
    Obrigada!
    Parabéns pelo blog!

    • Obrigado, não entendei pq oxa melhoraria o HAM, se o médico que te indicou trabalhar com fertilidade deve ter algum estudo que mostre que pode ajudar. Caso contrário, se foi qq outro profissional que te passou para fins estéticos recomendo parar caso queira engravidar agora. Não teria a ver com menopausa precoce e até poderia bloquear os cistos.

  94. Dani disse:

    Oi Dr. Roberto! Há 2 meses fiz um congelamento de óvulos pois sou má reapondedora e meu HAM é baixo. Estou tomando DHEA pois aumenta o HAM e iniciei oxandrolona 4mg/dia. A oxandrolona pode me levar mais rápido a menopausa ou só trás benefícios para mas respondedoras? Outra coisa…após a punção ovarina tive dois cistos hemorrágicos que segundo o medico são normais após punção, a oxandrolona pode aumentar os CISTOS ou por ser hemorrágico são independentes?
    Obrigada!
    Parabéns pelo blog!

  95. barbara disse:

    Dr. Roberto, adorei seu site.
    Tenho hipotireodismo de hashimoto e dificuldades para estabilizar as taxas há 06 anos. Tenho todos os sintomas sono leve, cansaço, cabelo caindo, unhas quebrando e na última consulta meu endócrino achou também a testosterona baixa (no limiar do limite mínimo, há anos) e propôs reposição durante um período com gel 10 por cento base pentravan 1 ml. Meu Ginecologista disse que poderia funcionar e eu iniciei…Hoje porém um outro medico que consultei se Mostrou totalmente contra…disse que isso era anabolizante e que condenava veementemente. Fiquei assustada com o posicionamento deste médico. Estou correndo riscos? Marquei uma consulta com meu endócrino mas fiquei preocupada.

    • Ao meu ver é uma dose um pouco alta para mulheres,prefiro começar com dose mais baixas.Possivelmente o endocrino vai falar mal, gineco em geral tem mais experiencia que eles neste tratamamento

  96. Marília disse:

    Dr., tenho alopecia androgenética e tomo espirolactona. Recentemente meu endocrino funcional me passou testosterona e progesterona em creme para ajudar a regular meus hormônios, pois fiz uso de anticoncepcional durante dez anos. O senhor acha que posso usá-los? Meu dermatologista diz que não posso, que isso será uma bomba pro cabelo, já o endocrino disse que esses dois combinados com uma pílula que ele passou contendo saw palmeto não iria interferir no cabelo. Estou perdida e gostaria de uma terceira opinião?

    • Fica difícil te dar uma posição sem se te avaliar pessoalmente, desculpe! mas pense o seguinte, vc já estava batendo com pílula e espironolactona na testosterona e não estava adiantando, quem sabe não seria a falta de hormônio a causa. Pode ser também que não melhore e nem piore, daí, pelo menos vc ficaria com níveis hormonais regulados e se beneficiaria de alguma forma disso

  97. Vania disse:

    Dr Roberto boa noite ,poderia me indicar um medico que trabalhe com modulaçao hormonal em Sorocaba SP ,muito obrigada.

  98. Lai disse:

    Dr. Fiz uso de pílula durante 10 anos, ee a alguns meses atrás comecei a sentir vários efeitos deste uso prolongado. Cansaço excecivo, falta de ânimo nenhuma líbido, gordura localizada…diante de tudo isso e de um resultado de exame com testosterona livre <0,10 minha gineco sugeriu a troca da pílula pelo nuvaring. Estou utilizando a 6 meses, repeti os exames agora e houve uma melhora na testosterona que agora está 4,5 porém a SHGB está muito alta 312! Os sintomas referidos melhoraram muito pouco. Sugeri a minha gineco a reposição com testo mas ela é totalmente contra. Penso em procurar outro médico, pois tenho vontade de fazer a reposição. Minha prima está fazendo com testosterona a 1% em base de pentravan. Tem experiência com base? Acha válida a reposição? Grata.

  99. maria de fatima simoes disse:

    Gostaria de comprar o gel para reposição hormonal. Como faço.

  100. LAIRA disse:

    Pode fazer a reposição com testosterona ( 1 por cento em base de pentravan) em uso de anticoncepcional (Nuvaring)?

  101. karine disse:

    Olá.

    Fiz uso do anticoncepcional Diane 35 e por isso minha sumiu!

    Minha gine me receitou TESTOSTERONA 3MG/ML em PENTRAVAN
    – Usar 1Ml ao dia topico – Usar a noite na face interna da coxa

    No momento da consulta, eu nao pensei.
    E agora pesquisando sobre isso. Estou aquii na duvida.
    Nao seria melhor uma testosterona injetavel nao? ….

    Por favor, me ajude a ter mais clareza sobre o assunto.
    O que é esse Pentravan? O efeito é lento?
    Seria melhor usar injetavel?

  102. Danielle disse:

    Olá, doutor.
    Tenho 25 anos, usei anticoncepcional por 7 anos e há 3 meses resolvi parar de tomar. Acontece que desde então não tive mais ciclos. Minha Ginecologista recomendou tomar Provera por 10 dias pra ver se a menstruação desce, já estou no 8ª dia e até agora nada. Como engordei 7 kg nesses 3 meses (sem motivo algum), fiz exames pra ver se é hipotireoide, mas o resultado da TSH deu 1,47 uUI/mL, Estradiol 61,0 pg/mL, LH 3,1 mUI/mL, FSH 6,6 mUI/mL, Prolactina 5,00 ng/mL, Testosterona total 0,3 ng/mL.
    Qual será o meu problema, doutor? Pq será q não estou mais menstruando e engordei tanto em tão pouco tempo? Ando até meio depressiva e com baixa libido desde que larguei a pílula, mas não queria voltar a tomar 🙁

  103. nicholas lima disse:

    Boa noite dr. Sou transhomem e faço terapia hormonal há 4 meses faço uso do deposteron uma ampola a cada 15 dias conforme receitado, minha dúvida é existe um período em qual o clitóris se desenvolve com o uso de testosterona? Por quanto tempo? Tem algo que eu possa usar para ele aumentar? Posso passar testosterona em solução nele? Qual o tamanho que ele pode atingir? E como fazer para desenvolver ao máximo

    • Desculpe mas não tenho experiência com casos como o seu.Vou aceitar sua dúvida para caso algum leitor queira te ajudar. Mas caso queira que eu apague fique a vontade de falar. abraços

  104. Marcia disse:

    Boa noite doutor ! Fiz meu exame de testosterona valor 35,
    Minha médica disse que tá normal , porém eu tenho baixo libido. qria aumentar minha testo… Será possível ? Tenho 28 anos

  105. Denize disse:

    Bom noite,eu gostaria de saber se e possivel q o testosterona gel nao tenha resultado?
    obrigada.

    • Pode ocorrer sim mas existem outras variáveis como má qualidade do creme transdérmico, aplicação inadequada, má absorção que pode ocorrer em alguns tipos de pele, dose insuficiente e outras causas de diminuição de libido, se for este o motivo o uso.

  106. Mariana disse:

    Prezado Dr Roberto,
    Fiz 30 anos há 2 meses, paralelamente a isso, parei de fumar. Desde então, engordei 5 quilos e não consigo perder peso por nada nesta vida. Treino diariamente, tenho uma alimentação rica em proteínas. Diante disto, fui ao endocrinologia. Ele me disse que a minha testosterona estava baixa. Pelo exame consta, testosterona livre 10,7 pmol/L. Me passou testosterona bioidêntica 5mg/ml duas vezes ao dia.
    Estou aplicando há duas semanas. Até então, não perdi peso algum e me sinto apenas mais irritada.
    Pergunta: essa dose está correta? Os resultados aparecem em quanto tempo? Isso pode me causar algum problema no futuro, tal como dificuldade para engravidar? Desde já agradeço a atenção.

    • desculpe a demora, a dose é individual e apenas seu médico pode te responder esta questão. Quanto a perda de peso, ela é gradual e depende de outros inúmeros fatores. Em geral com 1 mês as mulheres já sentem diferença com o uso de testosterona. Quanto a problemas para engravidar,pelo contrário, até ajuda como descrito em alguns artigos que estão no post. Mesmo pq possivelmente vc se relacione sexualmente com maior periodicidade estando com a libido otimizada.

  107. Ana disse:

    Olá,
    O uso da testosterona aliado ao anticoncepcional causa problemas? Corta o efeito do anticoncepcional?

  108. Maria Vieira disse:

    Boa tarde, Dr.Roberto! Tenho 55 ano Estou com níveis baixíssimos de testosterona , aliado a outros sintomas como tristeza, apatia dentre outros! O médico receitou testosterona gel 5% , 1 pump diariamente…por 30 dias! Sou hipertensa, colesterol alto e estou sedentária! Essa dosagem está alta? É Falam de 1% para iniciar o tratamento. Podo comprometer minha saúde!! Grata!

  109. Maria Vieira disse:

    Boa tarde, Dr.Roberto! Tenho 55 ano Estou com níveis baixíssimos de testosterona , aliado a outros sintomas como tristeza, apatia dentre outros! O médico receitou testosterona gel 5% , 1 pump diariamente…por 30 dias! Sou hipertensa, colesterol alto e estou sedentária! Essa dosagem está alta? Falam de 1% para iniciar o tratamento. Essa dosagem pode comprometer minha saúde!! Grata!

  110. Bianca souza disse:

    ola Dr eu tenho 19 anos e eu n tenho mais desejo de fazer sexo tomei anticoncepcional desde os meus 14 anos e agora uso o metodolo (DIU) eu fiz os exames e o resultado,( testosterona livre 0,74ng/dl ) ( testosterona total 69,0 ng/dl) ( testosterona tireoestimulante ultrassensível 2,230 uUI/ml)

  111. Paula disse:

    Dr. Roberto, onde vc atende?
    Obrigada

  112. Thais disse:

    Olá, mulheres que usam anticoncepcional podem tomar algum tipo de suplemento que almenta a testosterona sem interferir na prevenção a gravidez?

  113. Daniela disse:

    Dr. Tenho 34 anos e a alguns anos não tenho mais líbido, fiz testes hormonais e minha testosterona deu 10ng/dl e a testosterona livre calculada deu 0,12ng/dl será que está baixa? E qual seria o melhor tratamento?

  114. renata s de anunciacao disse:

    ola doutor depois de longo tratamento com antidepressivo minha libido sumiu.fiz exames testosterona20.21 ng /dl ,tsh 0.99ui/ml ,lh 8.64/ml ,prolactina 7.44 ng /ml ,t4 livre 0.86ng/dl,progesterona 0.32ng/ml,estradiol 50.0 pg/ml e fsh 6.83ui/ml.fiz esse exame no quarto dia de menstruacao tenho 36 anos e gostaria de saber se ta tudo normal.

  115. Lorena disse:

    Boa noite, Doutor. A oxandrolona corta o efeito do anticoncepcional? Tenho ovario policistico e tomo tamisa 20 so pausando de 3 em 3 meses. Comecei um ciclo com oxandrolona e estou preocupada com essa questão.. Até mesmo se posso tomar os dois juntos.

  116. Adriana Farah disse:

    Olá Dr. Roberto ! Meu nivel de Testosterona Livre está 1,2 e a ginecologista passou reposição de Gel de Testosterona Bioidêntica à 4% /10 – Pentravan GSP 10mg – 30G . Estou com um pouco de receio de usar e ter efeitos colaterais , como : dores de cabeça , dores nas mamas , crescimento de pelos , entre outros. Faço musculação todos os dias , possuo uma alimentação equilibrada , com acompanhamento de uma nutricionista , mas de um tempo p cá tenho ficado muito cansada , estressada por qualquer motivo , tenho observado que apareceram muitas celulites entre as minhas coxas ( coisa que nao tinha ) . O que o Dr.acha , devo usar ou não ? Tenho histórico familiar de câncer de mama ( avó materna ) . Gostaria de uma opinião sua como médico , já que foi a minha primeira consulta com a ginecologista que prescreveu o hormônio . A minha ginecologista que me acompanhava há muitos anos está muito doente e não está mais trabalhando . Desde já agradeço sua atenção !!!

    • Infelizmente não posso aconselhar a usar ou não um hormonio por aqui, se sua médica passou é pq ela viu motivos para tal. Quanto a história familiar, isto não contra indica tratamento

  117. Renata disse:

    Boa tarde! Tenho 28 anos e sou casada. Tenho SOP e útero bicorno. Já tomei aproximadamente 20 anticoncepcionais diferentes, mas sempre tenho algum efeito colateral que incomoda muito (os principais são espinhas e diminuição da libido). Geralmente, o remédio que “melhora” a libido me dá MUITA espinha e o que melhora minhas espinhas diminuem MUITO a minha libido. Atualmente estou tomando Stezza e senti que houve uma pequena melhora na libido, mas me deu muita espinha. Minha ginecologista pediu para eu trocar para o Diclin no meu próximo ciclo, e já estou sofrendo pois sei que ele vai diminuir muito a minha libido. Minha dermatologista me passou Roacutan! (estou fazendo os exames) ela me disse que serei sempre “dependente” de anticoncepcional por causa da SOP e que quando eu suspender o uso do anticoncepcional (quando eu quiser tentar engravidar p.ex.), voltarei a ter espinhas. Mas o objetivo dela ter me passado o Roacutan é para que eu possa tomar algum anticoncepcional que “melhore” minha libido sem me dar as malditas espinhas! Gostaria de saber sua opinião sobre o meu caso, ou alguma outra sugestão para que eu possa passar para minhas médicas. Não aguento mais ter que escolher qual efeito colateral eu quero ter!! Me ajuda!!

    • desculpe, problemas específicos não pode ser resolvidos aqui mas na minha prática prefiro suspender pilula para normalizar a libido e buscar as outras inúmeras causas de acne como por exemplo uso de lácteos e má alimentação

      • Renata disse:

        Dr. Roberto. A causa da acne é a Síndrome dos Ovários Policísticos. Pode-se suspender o uso da pílula? Como ficam os outros sintomas da SOP? É possível conciliar a libido e a SOP?

  118. Isadora disse:

    Olá Dr. Vou começar a fazer uso tópico de 0,5% testosterona / 1% oxandrolona e 5% acti gym. Quais serão os benefícios ?

  119. altina lima disse:

    Gostaria de saber se tomando atualmente (a 4 anos) o tibolona 2,5 posso utilizar o gel de testoterona. Tenho 59 anos e tenho um parceiro que mesmo eu tendo disposição, não acontece mais orgasmo… É por causa da idade ou o nivel de testoreno cai drasticamente após a menopausa? Isso pode ser ‘consertado’? Sinto desejo mas não tenho orgasmo mesmo antes da menopausa chegar.

  120. David Costa disse:

    Dr. Roberto, guardadas as características individuais, na sua opinião, qual seria o limiar de segurança quanto à concentração de testosterona em ng/dl, para fins de colaterais (virilização, engorssamento da voz, queda de cabelo, etc), em mulheres adultas antes da menopausa?

  121. LUISA disse:

    Boa tarde Dr Roberto.
    Gostaria de saber se o senhor pode nos ajudar. Criamos um grupo de whatssap de mais ou menos 80 mulheres com idades entre 18 e 40 anos todas com o mesmo problema. Em um dado momento de nossas vidas começou a aparecer uma fissura na fúrcula vaginal após as relações sexuais. Essa fissura normalmente cicatriza em 2 ou 3 dias mas basta uma nova relação para ela abrir novamente.O único tratamento que vem dado certo para todas é o uso de testosterona no local da fissura, alternando ou não com o estriol. No meu caso tenho 40 anos e essa fissura começou há cerca de tres anos. Estou usando propionato de testosterona creme 5% no local da fissura e realmente ela não abre mais. Porém, ha cerca de uns 3 ou 4 dias venho percebendo meus pequenos labios e a entrada da vagina propriamente dita mais inchada. Indago, isso pode ser devido à testosterona ou ao estriol? Há alguma consequencia nisso? O senhor sabe nos dar uma explicação de o porquê da testosterona impedir a fissura de abrir? As meninas que pararam de usar a fissura voltou a abrir… Desde já muito grata pela ajuda.

    • Muito bom saber desta função da testosterona e do estriol. A vagina tem receptores para a testosterona e seu metabolito dihidrotesterona, os quais causam certa hipertrofia clitoriana se a dose de testo estiver alta.O estriol é um hormônio responsável pela lubrificação vaginal e também reepiteliza a vagina e seu interior,possivelmente por produzir mais colágeno. Mulheres na menopausa tem mais infecções urinarias por conta da falta de estriol já que ele tem importância muito grande na manutenção do ph vaginal. A falta de estriol altera o ph vaginal e favorece a migração das má bacterias da vagina para o uretra. Grande abraço a todas do grupo!

  122. Paula disse:

    Olá dr,
    Irei usar testosterona base gel transdermico 2mg porém fiquei na dúvida de quanto tempo devo usar e depois quanto tempo de pausa até poder usa-la novamente.
    Aguardo sua resposta,obrigada

  123. andread disse:

    ola, minha libido é praticamente zero, fiz alguns exames e…

    SHBG RESULTADO………….: 117,1 ng/dL
    TESTOSTERONA LIVRE ———————-1,2%
    TESTOSTERONA TOTAL 396,000
    TSH – HORMÔNIO TIREOESTIMULANTE 1,50
    ESTRIOL 0,1
    ESTRONA 43,2
    ESTRADIOL 231,10
    O que significa?

  124. DIOGO disse:

    Boa tarde Dr. Roberto! Parabéns pelo trabalho.

    Sou Educador Físico e acompanho casos como estes diariamente. Algumas alunas tem utilizado Pasta Base de Testosterona 2,5% com prescrição médica, e tenho 3 dúvidas:

    Esta concentração representa qual quantidade para efeito sanguíneo?

    Se para esta quantidade de 2,5% haverá algum aumento considerável permanente nos níveis após a interrupção do uso.

    Os efeitos serão permanentes enquanto o uso for mantido ou o fármaco perde efeito após uso prolongado (6meses) ?

    Muito obrigado pela atenção.

    • Muito obrigado.É muito variável o nível que se atinge no sangue com o uso da testo transdermica. Tem pacientes que com 0,25%, chegam a 300ng/ dl e outras a 100. De qq forma essa é uma dose alta ao meu ver, a melhor de avaliar o excesso é a ocorrência de virilização.Os ganhos com esta tipo de uso não são tão expressivos do ponto de vista físico mas ocorrem sim e caso mantenham o foco, devem conseguir segurá los. Quando suspender, ela voltará a produção anterior, a não ser que suspenda pilula ou mude a composição corporal de forma significativa.

  125. Bianca disse:

    Dr. Bom dia!

    Uma dúvida, meu nível de SHBG deu super alto no ultimo exame, eu tomei pílula por menos de um mês, pois não consegui me adaptar.
    Será que então pouco tempo é possível ter um ganho substancial no nível de SHBG? Outra dúvida, tenho Hepatite C mas não estou tratando pois ainda não estou enquadrada no protocolo, mas é possível que a doença influencie?

    • Pode elevar sim mesmo usando pouco tempo. Não tenho certeza do mecanismo mas já li sobre casos de pessoas com hep C que possuem testo elevadíssima sem reposição e sem quadro clínico compatível com este excesso, possivelmente em função SHBG que vem do fígado

  126. Joselaine disse:

    olá.. Gostaria de saber como faço para me consultar com vc? Ja usei algumas medicações tipo esse creme para passar no ante branco e não obtive resultado nenhum..

  127. maria do carmo disse:

    Bom dia dr ?parabens pelo seu blog,tenho 48 anos e estou entrando na menopausa ,meu medico receitou testosterona gel 2.5mg aplicando 1 pump ao deitar por dia minha libido melhorou os desanimos também ,porem meus cabelos estão caindo demais e ficando finos.A causa disso pode ser o testosterona?

  128. Fabiana Rocha disse:

    Olá Dr. Meus exames de testosterona deram abaixo de 10. A minha médica prescreveu testo 5mg transdermico e bioidentica. Essa dos se pode ser anabólica? Receio os efeitos colaterais. Obrigada.

    • Para ser anabólica tem que treinar musculação pesado e fazer uma dieta que favoreça ganho de massa magra. Efeitos colaterais podem ocorrer e devem ser reportados ao seu médico caso comecem a acontece

  129. Larissa disse:

    # Bom dia dr. ! Quero saber se com o uso de aticonsepitivo FEMINA pode ter efeito adverso se eu tomar, SOMATODROL e verdade q nao pode tomar O ANTICONCEPCIONAL com SOMATODROL? por favor responda e URGENTE!!! Estou com medo d emgravidar. Obrigada pela Atençao.

  130. Jovenita disse:

    Tenho 36 anos já entrei na menopausa, mas não tenho nenhum sintoma só a falta da menstruação e o exame de laboratório comprovou e na ultrassonografia o médico vio que os ovários já entraram em falência, como não tenho sintomas devo usar testosterona ou algum outros tipo de medicação

  131. Paula disse:

    Olá Dr Roberto,
    Qual sua opinião sobre o uso de Androsten (tribulus) para aumento de testosterona/ libido em mulheres?
    Obrigada

  132. Priscila Caetano disse:

    Oi! Tenho 28 anos, eu gostaria de saber o porque da minha testosterona estar alta em 120, eu não tomo pílulas e nunca usei nem um tipo de tireóide.

    • Existem mulheres que tem níveis mais altos sem qq tipo de alteração clínica como queda de cabelo, acne e excesso de pelos. Caso apresente tais sinais,procure em endocrinologista

  133. Pâmela disse:

    Olá, gostaria de saber se esses resultados estão bons para uma mulher !! Testosterona total 2,35 e testosterona Livre 4,00

  134. Ana disse:

    Dr. Roberto, o uso do Somatodrol aumenta o nível de testosterona em mulheres a ponto de causar excesso de pêlos, engrossamento da voz e até hipertrofia clitoriana? Gostaria de usar esse suplemento para auxílio no ganho de massa nos treinos; mas, há risco de desenvolver essas características masculinas que mencionei? Minha pele é oleosa, posso ter mais acne com o uso?

  135. Camila disse:

    Boa tarde, Doutor Roberto. Parabéns pelo artigo. Me forneceu muitas informações.

    Tenho endometriose e faço uso de pilulas contínuas desde meus 23 anos. Atualmente tenho quase 33, e desde essa época menstruei parcas vezes (por escape ou esquecimento do medicamento). A pílula do momento é Elani 28, mas já houveram outras.

    Treino há quase 05 anos, e agora tenho além da rotina de treinos, uma dieta regrada, buscando a hipertrofia, mas sem exageros.

    Porém, tenho sentido uma dificuldade tremenda em hipertrofiar.

    No meu último exame, o resultado da testosterona total foi 0,06 ng/mL.

    O senhor acha que usar a testosterona em gel seria benéfico no meu caso? Ela pode influenciar de alguma forma no meu caso de endometriose?

    Infelizmente, parar com a pílula contínua não é opção…

    Grata!

    • Ola Camila,o uso pode ser considerado porém, tendo em vista que testosterona se transforma em estrogênio, caso não bloqueie, mesmo que parcialmente esta transformação, o quadro pode piorar sim. É um risco!

  136. Karol disse:

    Dr. Roberto, comecei a fazer o uso do Somatodrol. Gostaria de saber, se ele pode cortar o efeito do meu anticoncepcional? Estou apavorada com essa ideia!

  137. Paula disse:

    Dr Roberto, qual sua opinião sobre o uso de Androsten (tribulus) para aumento de massa muscular e libido em mulheres?
    Obrigada

  138. Cláudia disse:

    Olá Dr, parabéns pelo artigo . poderia por favor IndiCar algum médico em Piracicaba interior Sp,q fizesse esse tipo de tratamento?Obrigada

  139. Paula disse:

    Poderia indicar algum profissional no RS?

  140. Ane disse:

    Olá dr Roberto. Estou com 48 anos e sérios problemas de libido. Vc poderia me indicar um médico em Campinas ou região? Ainda menstruo normalmente e minha ginecologista não deu importância.Vc atende em q cidade?
    Obrigada!

  141. Kelly Costa de Oliveira disse:

    Fiz uns exames e deu 0,18 de tostesterona. Quero saber se é normal esse valor na minha idade de 35 anos.

  142. Jandir disse:

    Comecei a usar Testosterona base 100mg – Gel transdérmico 1qsp(ml).

    aplicação da coxa interna, conforme orientação médica, o efeito ou inicio do aumento testosterona,

    quanto tempo começa o efeito.

    Início da aplicação: 17/02/2016

  143. Mariana F disse:

    Olá Dr. Tenho 28 anos e faço uso de Diane 35 desde os 14 anos. Comecei a tomar no intuito de melhor as acnes. Depois de ler mt sobre os efeitos da pílula decidi parar e percebi um aumento grande na libido. No entanto, minha pele ficou terrível e comecei a ter mto pelos no corpo. Resolvi voltar pra pílula. Porém agora fiz exames e minha testosterona deu praticamente nula. Bem abaixo dos níveis de menopausa. Minha libido tb sumiu. Estou mto confusão quanto a solução pra esse caso. Queria um método contraceptivo que não fosse nulo de hormônio para ajudar nos efeitos que senti anteriormente, mas tb gostaria de ter minha testosterona em níveis normais já que faço exercício e dieta balanceada e minha massa magra é sempre baixa. Tenho medo tb dos efeitos a longo prazo da reposicao de testosterona ou da sua suspensão. Qual são as opções contraceptivas hormonais melhores que a oral neste caso? Obrigada!

  144. irene disse:

    Ola gostaria de saber qual sao os melhores esxames para mapear os hormonios

  145. Maiara disse:

    Que tipo de medico devo procurar ?tenho 20 anos e sito que nao tenho libido nem um e acho que preciso fazer uma reposição de hormônios mas qual medico procurar ou uma ginecologista resolve

  146. carolina amaral disse:

    olá Dr.
    comecei usar a testosterona 2% faz 2 meses, minha libido melhorou muito e agora comecei perceber definição no meu corpo, será que tem a ver com testo?

  147. tenho 59 anos pretendo tomar ttestosterona quantos mg posso cosar

  148. Sônia Maria disse:

    Dr.Estou na quarta tentativa da fivi e não consegui aunda o positivo. Porém minha medica passou agora a testosterona em creme e passar entre as coxas.Qual o efeito do uso da testosterona nesses caso..ajuda de alguma forma? Qual?

  149. Bianca disse:

    Gostaria de uma consulta com vc mas moro aqui no rj. Vc teria algum profissional aqui no rj que faça modulações pra indicar?

  150. fui na ginecologista ontem e ela mim falou que a minha testosterona esta muito baixa,que se eu querer engravidar que adiantasse meus passos,mais não passou mada para melhorar isto o que faco estou desesperadar,pois não tenho condições de ter um filho agora.mim ajuda.

  151. Cleide de LIma Rodrigues disse:

    Bom dia! Tive câncer de mama, mas sei que tem pesquisas sobre a testosterona ser até indicada.
    Pode me indicar algum médico em Belo Horizonte que possa me orientar?
    Obrigada,
    Cleide

  152. Eu vou dar a minha opinião: A testosterona é hormonio masculino.

    • Engana – se Mario, assim como estradiol não é considerado mais hormônio feminino, testosterona não é considerada apenas horm. masculino. Convido você a checar alguns dos estudos deste artigo e verá que falo a verdade.

  153. Eu vou dar a minha opinião sobre hormonios androgênicos: O próprio nome já diz androgênicos. Do grego andro quer dizer homem, por isso mulher não tem hormônios androgênicos.

  154. Luciana disse:

    Doutor, tenho 33 anos, quero muito engravidar do primeiro filho e decidi parar de tomar pilula. Fiz papanicolau deu normal somente uma ferida no colo do utero, porem fiz ultrassom e deu que meus ovarios estao com volumes muito reduzidos (0,3 e 0,6 cm³). Ha 3 meses que a menstruação vem escura e em pouca quantidade. Meus cabelos estao caindo bastante. Tenho hipotireoidismo, mas as taxas estao controladas. Tomei anticoncepcional oral por 9 anos, o anticoncepcional oral pode atrofiar os ovarios? se parar de tomar o anticoncepcional os ovarios voltam ao tamanho normal? o uso da testosterona pode ajudar a reativar os ovarios? obrigada

    • Sim, pilula atrofia os ovários durante o uso e eles tendem a normalizar depois da suspensão do medicamento. O uso da testosterona irá compensar o deficit deste hormonio causado pela pílula caso o uso seja indicado mas não influenciará nos tamanhos dos ovários caso use uma dose fisiológica

  155. carol disse:

    olá Dr.
    estou usando test 5% no pentravan, notei que meus cabelos estão caindo muito, isso é efeito colateral da testo? minha vida mudou depois que comecei a usar, não gostaria de parar mas estou preocupada com essa queda, deixando de usar o gel os niveis se mantém ou voltam a diminuir?

    • Considero esta dose muto alta para mulheres e pode causar efeitos colaterais para mulheres como vem percebendo. Deixando de usar possivelmente os níveis voltam a cair sim. converse com seu médico pois imagino que ele ajuste a dose

  156. fabiola disse:

    olà dr.
    uso testo2% no gel trandermico, tenho notado muita diferença nos meus cabelos, diminuiram a quantidade drasticamente, isso é efeito colateral da testo?

  157. Laryssa disse:

    Olá Dr Roberto,
    Faço uso de anticoncepcional há quase 10 anos (tenho 28 anos de idade). Sempre usei o Yas.
    De um tempo para cá, notei algumas mudanças (principalmente no humor e meu libido praticamente zerado) minha ginecologista passou uma série de exames e os resultados constataram baixo estradiol e baixa testosterona. Ela me recomendou suspender o uso da pílula por um tempo e fazer a reposição com a testosterona gel (5% 1ml ao dia)… questionei que tinha receio de engravidar e neste caso ela modificou a pílula (recomendou o Aixa). Eu pesquisando sobre o assunto, li o seu artigo e me surgiu uma dúvida… Neste caso, se eu continuar com o uso do anticoncepcional e fazer a reposição da testosterona eu talvez eu não teria um resultado tão positivo? Melhor seria se eu parasse com a pílula e procurasse outro meio de contraceptivo tão seguro quanto, para melhor resposta ao tratamento? Aguardo resposta. Obrigada! 🙂

    • O cenário ideal seria não usar pílula pois seu nível de testosterona se reestabeleceria assim como sua libido.Mas, pode -se usar concomitantemente sim, apenas achei a dose elevada para mulheres!

  158. Rúbia Sena disse:

    Bom dia Dr. Roberto.
    Adorei o artigo e só estou escrevendo pq li todos os comentários e fiquei encantada com a atenção que deu a todos os questionamentos e estou esperançosa que o meu questionamento receba atenção. Bem a um ano fiz exames e meus níveis foram: Test. Total: 26,3 ng/dl; SHBG: 235,40 nmol/L; Test. Livre: 0,10 ng/dL e Testo Biodisponível: 2,39 ng/dl. Na ocasiao a endocrino me passou Testosterona em gel 1% e DHEA 50 mg/dia. Depois do uso os resultados foram: Test. Total: 49,9 ng/dl; SHBG: 196,90 nmol/L; Test. Livre: 0,23 ng/dl e Test. Biodisponível 5,35. Dr. Roberto tenho baixa testosterona? Tenho 23 anos e qual seria o nível ideal de testo disponível ideal para minha idade? Agora os sintomas de ZERO libido voltaram, ganho de gordura, diminuição da massa. Já troquei o anticoncepcional para o um que só tem um tipo de hormonio (desogestrel). Vou ao endocrino hj. E quanto tempo no máximo posso usar o gel de testo? Ele foi otimo. Um abraço e continuarei lendo seus artigos.

  159. Lourdes pereira disse:

    Dr. Já tive câncer de mama, fiz retirada somente de quadrante da mama. Terminei meu tratamento 2014. Posso tomar testosterona?

  160. Olá Dro Roberto por gentileza desejo por indicações de bons médicos para tratamento com testosterona em gel,para extermínio da tpm que me causam um grande sofrimento.

  161. Conceição disse:

    Gostaria de saber se posso ter benefícios fazendo reposição com progesterona (creme transdermico) e testosterona (creme intravaginal) sem usar reposição com estrogênio? No caso desejo aumentar a massa muscular, libido e diminuir a flacidez da pele. Tenho dois miomas, um de cerca de 4 cm que continua aumentando. É arriscado fazer reposição com estrogênio transdérmico? Estava usando Estreva gel mas fiquei com receio e parei.

  162. Maria Flor disse:

    Bom dia Dr.
    O que seria testosterona baixa para uma mulher de 23 anos? Quantos ng/dL? A minha livre calculada foi de 0,54 ng/dL e a endocrinologista me prescreveu gel de testosterona 1% 50 mg. Acha adequado essa prescrição? Além disso, qual percentual que meu corpo irá absorver desse gel? Obrigada pela atenção.

  163. DRO ROBERTO GOSTARIA DE SABER SO O SENHOR ATENDE O CONVENIO SULAMERICA SAUDE .

  164. Rúbia Sena disse:

    Dr. Já comentei no seu artigo e já reli todos os comentários para aprender. Já me consultei com vários médicos e relatei sintomas como baixa libido, cansaço, etc. e os exames provaram a testosterona baixa. A conclusão que cheguei é que alguns médicos tem aversão à testosterona sendo que esta pode, com uso de forma correta, nos fazer tão bem principalmente às mulheres que não conseguem sentir desejo sexual ou pior, ter orgasmos. Aplaudi a frase que disse a uma leitora “Sem duvida, para mim é um absurdo castrar quimicamente uma mulher ainda negar tratamento”. É isso mesmo que acontece. Já pensei até que alguns endócrinos acham que vamos a seus consultórios procurar hormônios androgênicos para ganhar massa muscular. O objetivo desse comentário é, de certa forma, parabenizá-lo pela sinceridade nas respostas e pelo trabalho publicado no blog.

  165. Paula disse:

    Bom dia doutor Roberto.
    Tenho 22 anos e minha vida sexual não é a mesma há algum tempo.
    Quando comecei ela, aos 17 anos, era muito ativa, tinha muita vontade…
    De uns 2 anos pra cá, não tenho mais libido… Fico fugindo do sexo com meu parceiro.
    Acabei de fazer um exame de sangue, e meu nível de testosterona total é 26 ng/dL
    e testosterona livre calculada 0,12 ng/dL. Os níveis estão baixos? Essa pode ser a causa?
    Procuro ajuda. Obrigada!

  166. Parabens pelo artigo, foi muito esclarecedor e me ajudou a tomar uma decisao

  167. Vanessa disse:

    Olá tenho 28 anos a minha testosterona deu 14 e normal por isso que meu esposo reclama de mim que não tenho ânimo pra nada qual melhor remédio pra mim ter aquele fogo .

  168. viviane disse:

    Boa tarde Dr. Roberto! tenho 27 anos, mulher, tomei anticoncepcional ha mais de 10 anos! Com sintomas de fraqueza, desanimo, preguiça, indisposição e por anos fazer dieta e treino pesado e não obter resultado no ganho de massa, decidi fazer exames hormonais! Deu tudo desregulado, principalmente a testosterona livre que deu 0,048. Minha endócrino passou o gel transdermico manipulado a base do hormônio 10mg pra passar toda noite e tomar o DHEA 50mg tdo dia de manha! Acredito que esse gel deve ser natural nè….nao deve ser sintético!? È esse que falam que è bioidentico ?E qual diferença desses Androgel, pentravan, para esse meu que ela passou? Estou usando o gel faz 5 dias e estou com muita dor de cabeça.

  169. Samara disse:

    Olá Dr.,
    Tenho 25 anos e faço uso de sertralina, pois tenho Transtorno de Ansiedade Generalizada;
    Já fiz terapia, e junto com o médico já parei de tomar o remédio, mas tive que voltar, os sintomas da ansiedade voltaram todos,
    existe uma possibilidade da modulação hormonal ser eficiente no sentido de eu conseguir parar de tomar sertralina?
    obrigada.

    ah, o Dr. sabe de algum médico que faça modulação hormonal em Cascavel ou Foz do Iguaçu no Paraná?

  170. Carolina disse:

    Olá Dr. Estava usando testo 5% no pentravan e tive muitos efeitos colaterais, meu médico diminuiu para 2% mas não obtive nenhum resultado na minha libido com essa dosagem, agora ele mudou para deposteron 1ml ao mês, vc acha que com essa dosagem vou ter os mesmos ótimos efeitos que tinha com gel 5% e menos colaterais?

  171. Carolina disse:

    Dr. Roberto bom dia !!
    Essa dose de deposteron 1 ml ao mês vc considera alta para mulheres?

  172. VIVIANE DA SILVA disse:

    OLÁ DR. Minha Dermato solicitou alguns exames entre eles o de testosterona livre e total cujos resultados: livre: 0,22 e total: 17,80. Ela me falou que está normal mas pelo que vi na internet achei que não está, o que me diz devo procurar uma endocrinologista?

    • Endocrino com visão tradicional não abordará testosterona em mulheres. O nivel não quer dizer muita coisa e sim como este hormônio está se comportando no seu corpo, isto é, se apresenta quadro clínico compatível com síndrome da insuficiência androgenica

  173. Mariana disse:

    Boa noite!

    Meu ginecologista me indicou testoterona em gel 3mg/ml por dia, por conta da extrema falta de libido (tenho 24 anos). Me disseram que esta dose é altíssima, considerando que meus exames deram 15 ng/dl de testosterona e 0,06 ng/dl de testosterona livre, ou seja, seria de fato mais do que uma “reposição” pois ultrapassaria as taxas normais. O meu medo é de ter efeitos colaterais (indução a masculinização) com essa dose.
    Qual a sua opinião? Para mulheres da minha idade é uma dose alta?
    E em relação à pilula anticoncepcional, devo suspende-la enquanto utilizo o gel?

    Obrigada.

  174. Deborah Braga disse:

    Olá, Dr. Roberto!

    Parabéns pelo artigo, pela atenção às leitoras e pela postura sensível à sexualidade feminina. De fato, muitos(as) médicos(as) parecem ignorar a importância que a libido faz na vida da mulher.
    Sobre meu caso, tenho 27 anos e uso anticoncepcionais orais há uns 4. Já tentei vários tipos e é sempre o mesmo problema: a pílula entra pela porta e a libido se joga pela janela. Estou cogitando colocar o Mirena mês que vem. Contudo, após ler seu artigo, gostaria de saber se não seria recomendável tentar a reposição de testosterona juntamente com o anticoncepcional atual (Diclin), pois com exceção da libido desaparecida, gostei bastante dos efeitos do Diclin.

    Caso seja possível essa última alternativa, saberia me indicar um profissional que trabalhe com modulação hormonal aqui em Belo Horizonte?

    Desde já, muito obrigada.

  175. Juliana disse:

    Olá, poderia me indicar um profissional em Jundiaí? Como os tantos relatos aqui, também tenho SOP e o uso do anticoncepcional prejudica minha libido. Gostaria de ter acesso a outras formas de tratamento e as pontuações no artigo me interessaram muito.

    Obrigada

  176. ka disse:

    por favor doutor roberto fiz exames mas nao me rncotro no brasil os medicos viram elee nao souberam me responder qual o meu problema aqui passo o resultado dos exxames que me foi pedido por favor esclareca minha duvida o exame foi dfeito no terceiro dia da menstruacao :26 anos qd fiz os exames
    17hydroxy-progesterone;3,6ng/ml
    D4 Androstenedione ;3,7ng/ml
    tsh third generation;1.12uU/ml
    fsh:13.27mIU/ml
    lh:5.91mIU/ml
    prolactine:22.50ng/ml
    testosterone:55.1ng/ml
    dhea-s:3.68 ug/ml minha idade era26 qd fiz os exames
    cortisol serum:17.68ug/dl fiz o teste de manha
    free testosterone:2.23% (26 anos)
    biovail testosterone:52,2%(26anos)
    free androgen index: 8.58%(26anos)

  177. Sandra Costa disse:

    Dr. Parabéns por esclarecer sobre o assunto. Li os comentários e vi que não há “dosagem certa”. Bem, a endócrino, após constatar que possuo baixa testosterona, me prescreveu gel transdérmico 50 mg. Um outro endócrino me falou que tal dosagem é muito alta, inclusive, indicada para homens. Tenho 24 anos. Você acha essa dosagem muito alta? Está exagerada?

  178. Ju disse:

    Dr. Roberto,
    Fui ao médico de medicina preventiva/nutrologia e ele constatou minha testosterona esta baixa: livre 1,21 pg/ml e biodisponível 2,84 ng/dl. Me receitou testosterona gel transdermico bioidêntica 3% – 1ml ao dia.
    Já fazem 7 meses que parei o anticoncepcional, o qual tomei por uns 15 anos. Tenho baixa libido.
    Fui na ginecologista e ela pediu para não usar a testosterona. Me disse que pode causar danos/mal formação ao bebê em caso de gravidez.
    O Sr. pode me esclarecer com base científica se a testosterona e suas mudanças metabólicas causariam algum dano ao feto/bebê em caso de gravidez?
    Agradeço a atenção.

  179. Alexandra disse:

    Boa tarde, Doutor!
    Fiz o uso do deposteron, porém por precaução, devido aos efeitos colaterais, o ginecologista me receitou injetar meia ampola ( 1ml) de 3 em 3 meses. Mas usei só uma única vez, porque depois de quase um mês de aplicado meu cabelo começou a cair assustadoramente. Procurei o dermatologista e já resolvi o problema,porém o problema da libido ainda continua, e o medo de voltar ao tratamento e o cabelo cair também. Isso quando aconteceu afetou tanto minha alto estima, que o deposteron começou a fazer efeito e percebi que depois de ter ficado furiosa e chateada devido a queda de cabelo, ele não funcionou mais e também não voltei a injetar mais. Mas ainda preciso resolver o problema da libido. O que faço?

  180. Fernanda disse:

    Boa tarde Dr.
    Gostaria de indicação de um profissional aqui em Brasilia!

  181. Jéferson disse:

    Dr. Roberto,

    Primeiramente parabéns pelas respostas.

    Tenho estudado o tema e não encontro a resposta, ficaria muito grato se o Dr. me ajudasse. A testosterona e/ou a gestrinona em gel pentravan resulta índices plasmáticos maiores por qual dessas 03 vias: vulvar, intravaginal ou transdérmica? Qual dessas vias tem a maior absorção para o aproveitamento da medicação?

    De antemão agradeço a atenção !

  182. Carolina disse:

    Olá Dr. No caso do deposteron causar virilização só suspendendo o uso já se resolve o problema?

  183. Lydiane Villela disse:

    Parabéns pelo texto! Dr. gostaria de escutar a sua opinião, eu usei durante muitos anos pílula anticoncepcional, pq não tinha noção de que fazia mau a nossa saúde, e quando descobri parei imediatamente, mas hoje meus exames de testosterona são negativos (> 2,5) e minha médica está com receio de repor Pq tenho uma queda de cabelo à anos também! Qual q sua opinião no meu caso?

  184. Karen disse:

    Olá Dr. Estou fazendo uso de testosterona a base de pentrava. E por não ter uma resposta legal com usos de pílula estou interessada no Mirena. Gostaria de saber se pode haver alguma interferência? Obrigada

  185. Tais Borges disse:

    Dr. boa tarde.
    Fiz exames e deu muito baixo meu nível de testosterona e por isso estou com baixa libido também. Minha médica receitou Androgel 25 mg, usar 1 vez por dia.
    Ainda não comecei a tomar.
    Esse Androgel é testosterona bioidentica? É gel, posso passar nos braços? Essa dosagem está normal?
    Obrigada,

  186. Aruane disse:

    Dr. Roberto, iniciarei a gestrinona (2,5 ml/mg 2x na semana) no pentravan para tratamento de endometriose. Quais os riscos? Tenho casos de cancer na família e estou preocupada. Não há nada bioidentico que possa substituir a gestrinona no tratamento da endometriose?

  187. flavia disse:

    Tenho 42 anos,libido baixa e minha testosterona 10, livre deu 1,2, biodisoinivel 1, e GLHS 276.
    Uso Nuvaring e estou agendada para retornar ao Mirena
    Sei que tenho indicacao do gel e vou correndo para o consultorio da GO, mas e o Mirena, vai piorar os niveis aind mais de testosterona?

    • Em geral o Mirena bloqueia menos testosterona ,progesterona, SDHEA e IGF 1 que o Nuvaring. Aliás é impressionante o estrago hormonal que o Nuvaring faz. Eu achava que por não ser oral seria uma melhor opção mas no decorrer dos anos ao ver exames de inúmeras pacientes, percebi que estava errado

  188. Jonas disse:

    Olá Dr. Roberto,
    Se possível gostaria de tirar uma opinião tua: Fiz uso de testosterona em creme 10mg ao dia.
    Antes do uso meu exame de testo era 450, após o uso do creme passou a ser 150. Meu médico disse que é normal sair um valor abaixo quando se faz uso do creme pois o corpo produz menos… Gostaria de uma outra opinião, agradeço.

  189. maria disse:

    DR Roberto, tenho miomatose, li na net que em estudo de laboratorio, os miomas sao caudados pelo excesso de estrogenio. estou querendo consultar com medico nutrologo e ortomolecular. o que voce me indica. pois a ginecologista me receitou tirar o utero, e me passou o cerazate , mas quando tomei o cerazate ai que a mestruaçao deceu mais, fiquei inchada, tinha
    emagrecido 5kl e acabei encordando 10kl. entao parei.

  190. maria disse:

    DR Roberto, me esqueci tenho 46 anos, peso 77 kl.

  191. Virginia disse:

    Tenho 47anos de idade e minha libido só fica muito boa com o uso de: winstrol e outros,apesar que não sou favorável ao meu corpo e a vontade de ter um clitores super desenvolvido e até pensar em uma cirurgia p aumentar. Minha pergunta é: existe este tipo de cirurgia e onde encontrar ?

  192. edmara disse:

    DR.roberto li todos os comentarios, eu gostaria de saber como avaliar o nivel ideal para cada mulher (de testosterona)?
    quais os questionamentos para saber se ta baixo ou nao pois eu li que só exames nao sao suficientes. a reposicão de testosterona pode engordar? para quem faz dieta e musculação pesada?

  193. Ju disse:

    Dr Roberto, muito obrigada pelo texto realmente esclarecedor! Tenho uma dúvida, eu parei com ancitconcepciona há 6 meses atras. Estou fazendo acompanhamento para reposição de testo, que está muito baixa. Após avaliação clínica e exames laboaratoriais, me foi receitada a testosterona transdermica 0,3% qsp 1ml. Lendo os comentários, vi que outras iniciam com dose bem mais alta. Claro que sei que depende de cada avaliação, mas você acha que esta dose é muito baixa? Corro o risco de não ter os efeitos positivos? Muito obrigada!

  194. DEYSE disse:

    OLA BOM DIA …

    EU TENHO BAIXA TESTOSTERONA QUERIA SABER SE POSSO USAR OS TRES JUNTOS:::

    TRIBULUS+MACA+MUCUNA????

    EM CAPSULAS???

    OBRIGADA

  195. CARLA disse:

    Boa noite Dr.Roberto tenho 30 moro Taboão da serra,minha libido está zero tem algum profissional para me indicar? Desde já obrigada.

  196. jacqueline disse:

    Tomei anticoncepcional dos 19 aos 32 anos ano passado tive todos os sintomas citados acima perda de libido, perda de massa muscular, acumulo de gordura meu metabolismo estava parado meus exames incluindo os hormonais todos alterados mesmo sendo magrinha meu triglicerídios estava acima de 350, minha endocrinologista disse que parar de tomar o anticoncepcional resolveria, parei de tomar tem 1 ano percebi uma sutil melhora mas continuo acumulando muita gordura, meu colesterol ainda esta alto mesmo tendo acompanhamento nutricional e fazendo atividade física regularmente, e pra piorar apareceu 1 nódulo e 1 cisto no meu seio esquerdo e um cisto no ovário. Meu nutricionista disse pra eu conversar com minha endócrino sobre o uso controlado de hormônio mas ela se recusa a me passar, ela diz que não há necessidade, O Endocrinologista é o especialista indicado para esse tipo de situação? Caso seja devo procurar outra opinião?

  197. Iza.milanez disse:

    Dr teria um horário específico pra passar o testosterona transdermico? Seria melhor de manhã ou a noite? Minha gineco não mencionou isso.

  198. crist disse:

    Bom dia DR. Roberto tenho 31anos sou praticante de musculação a seis anos. A um ano meu percentual de gordura esta aumentando. Ando cansada falta de libido, insonia, agitacao falta de alta estima. Tomei quatro anos feno grego e sabal manipulado. Tive uma melhora surpreendente. Mas nao faz mais efeito. A testosterona me ajudaria

  199. Rai disse:

    Boa tarde dr.
    Com o intuito de ganho de massa muscular, usei gestrinona (1mg dia sim dia não) através de creme vaginal e tive alopecia severa.
    Os meus exames deu alto índice de testo livre. Minha gine recomendou espironolactona e saw palmeto para a queda de cabelo?

    O que você me recomenda. Está caindo muito.

  200. Rosimeire... disse:

    Bom dia Dr. Roberto.
    Tenho 43 anos, gostaria de saber se p uso de testosterona injetável é perigoso. Minha médica passou pra eu tomar 3 injeção durante três meses. Ela indicou porque meu libido estava baixo, ou seja não sentia vontade alguma de fazer amor com meu marido. Tomei as três. Foi muito bom, só que ja tem uns cinco messes que não sinto mais efeito. Retornei na médica ela indicou pra eu tomar mais três injetável. Estou perguntando porque fiquei preocupada pois sentir que minha voz as vezes ficava grossa. O que vc acha Dr. Roberto, eu devo tomar ou eu estou assustada.

  201. THAIS N. C disse:

    BOM DIA DR. ROBERTO. NOTEI NOS COMENTARIOS QUE A DOSE ESTÁ EM MG, ESTOU USANDO HA UM MES O GEL DE TESTOTERONA CRISTALINA E NAO TENHO TIDO RESULTADO. A DOSE NA EMBALAGEM INDICA 150MCG/1MG DE GEL. É POSSIVEL QUE O LABORATORIO TENHA MANIPULADO ERRADO? OU ESTA DOSE ESTA DE ACORDO??obg desde ja.

  202. Fatima disse:

    Bom dia Doutor,

    Conforme exames laboratoriais, minha Testosterona Livre está baixa, a ginecologista me receitou Androgel 25mg, para usar dia sim, dia não, e revezar as coxas, achei estranho.
    Procede essa informação? Não seria correto usar em ambas as coxas na parte de dentro?
    Obrigada.

  203. EDUARDA disse:

    OLÁ,TENHO 17 ANOS,E ESTOU COM O TESTESTERONA BAIXISSIMO,MOSTRA NOS EXAMES,FORA DO NORMAL,SERIA ESSE O MOTIVO DE NÃO PERDE GORDURA,GANHAR MASSA ENTRE OUTRAS COISAS ?,O QUE SERIA CERTO FAZER ?

  204. Laura disse:

    Olá Dr. Roberto, eu gostaria de saber se o Diu Hormonal (Mirena) também aumenta a SHBG, o que levaria a diminuição da testosterona..

  205. Fernanda disse:

    Olá Dr Roberto, gostaria de saber se o Mirena inibe a produção de testosterona.

  206. Michele disse:

    Boa noite Dr. Roberto! Gostaria de saber sua opinião sobre o uso de espironolactona juntamente com a reposição hormonal. O uso desse medicamento pode interferir nos efeitos do uso da testosterona bioidêntica (como a melhora na líbido, aumento da testosterona, etc)?

  207. Solange disse:

    Olá Dr. Faço uso de anticoncepcional desde os 19 anos …no início pq meu ciclo era desregulado e sofria com muitas cólicas. Desde então nunca parei de tomar. Hj uso o depoprovera invejável. Sofro com baixa libido e tenho glaucoma. O tratamento com testosterona em gel seria indicado p mim? Há algum risco por conta do glaucoma? O q o senhor indica?

  208. Telma Rodrigues disse:

    Dotor minha totesterona está 00,1 está muito baixo na tenho alto estimulo acho q devo usar totesterona?

  209. Roseli disse:

    Bom dia

    Por favor o meu DHEA esta 0,5 , segundo a medica está bem baixo, estou muito indisposta será que é por causa deste hormonio esta abaixo, pois os outros estão todos normais ainda

  210. Nathalia Aguiar disse:

    Bom dia, fiz exame de testosterona e minha médica disse q está baixa. Então passou A testosterona base 2% gel em pentravan 90 ml para eu passar 1 ml por dia antes de dormir. Qual o local mais indicado para passar? E Posso usar a testosterona mesmo tomando anticoncepcional?

    Desde já, obrigada.

  211. Flavia disse:

    Doutor, bom dia.
    Meu Shbg esta 220. Parei de tomar anticoncepcional a 8 meses. Pra ajustar ( pra evitar queda de cabelo e cabelos finos) da pra fazer sem tomar anticoncepcional??? Preciso de dicas, por favor

  212. Flavia disse:

    Indica algum profissional em Ribeirão Preto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *