NADH – A mais nova promessa anti envelhecimento.

PARA QUE  SERVE O  NADH  (Nicotinamida Adenina Dinucleotídeo)?

 

“NAD + é o mais próximo que chegamos de uma fonte da juventude”, diz David Sinclair, co-diretor do Centro Paul F. Glenn para a Biologia do Envelhecimento na Harvard Medical School.

“É uma das moléculas mais importantes para a vida existir e, sem ela, você estaria a morto em 30 segundos.” O NAD + é uma molécula encontrada em todas as células vivas e é fundamental para regular o envelhecimento celular e manter a função adequada de todo o corpo.

Os níveis de NAD +  diminuem significativamente ao longo do tempo, e os pesquisadores descobriram que reabastecer o NAD + em camundongos mais velhos faz com que eles pareçam e ajam como mais jovens, além de viverem mais do que o esperado.

Em um estudo publicado em março de 2017 na revista Science, Sinclair e seus colegas colocaram gotas de um composto conhecido por elevar os níveis de NAD + na água para um grupo de camundongos.

NADH (Nicotinamida Adenina Dinucleotídeo) é uma coenzima encontrada em todas as células.

Sua principal função é a produção de energia celular para o organismo. Quanto mais NADH uma célula possui, mais energia ela poderá produzir.

Dentro de algumas horas, os níveis de NAD + nos ratos aumentaram significativamente. Em cerca de uma semana, os sinais de envelhecimento no tecido e nos músculos dos camundongos mais antigos se inverteram ao ponto de os pesquisadores não poderem mais dizer a diferença entre os tecidos de um camundongo de 2 anos de idade e os de um de 4 meses de idade.

Agora os cientistas estão tentando alcançar resultados semelhantes em humanos.

Um ensaio clínico randomizado (considerado o padrão-ouro da pesquisa científica) de um grupo diferente de pesquisadores publicado em novembro de 2017 na revista Nature descobriu que pessoas que tomavam um suplemento diário contendo precursores de NAD + tinham um aumento substancial e sustentado em seus níveis de NAD +  por um periodo de dois meses.

Um arquivo externo que contém uma figura, ilustração, etc. O nome do objeto é nihms-829189-f0001.jpg

NADH, DOENÇAS CARDÍACAS E RENAIS:

  • Nicotinamida adenina dinucleotídeo (NAD + ) é uma coenzima com papéis em vários processos metabólicos cardíacos e renais
  • A depleção de NAD + está emergindo como um dos principais contribuintes para a patogênese da doença cardíaca e renal
  • Dados pré-clínicos sugerem que as estratégias de replicação de NAD + têm o potencial de restaurar o metabolismo e a fisiologia renal e cardíaca.
  • As sirtuínas mitocondriais mediam alguns dos efeitos benéficos da suplementação de NAD +
  • A suplementação com NAD + pode aumentar diretamente o metabolismo e melhorar as reações celulares nas doenças cardíaca e renais
  • O NAD + também é um substrato para enzimas envolvidas na reparação de danos no DNA e nas vias de sinalização de cálcio;
  • A suplementação com NAD + pode alterar essas vias  influenciando  a viabilidade celular, a função dos órgãos e a histórioa natural da doenças cardíacas e renais

NADH E ENVELHECIMENTO

  • Os níveis de NAD diminuem com a idade devido a um desequilíbrio entre a sua síntese e destruição.
  • Diminuição do metabolismo do NAD está associada a vários processos de envelhecimento fisiológico.
  • Os precursores da NAD protegem contra várias doenças associadas ao envelhecimento.
  • O aumento do metabolismo do NAD pode prolongar a vida útil de diversos organismos.

 

An external file that holds a picture, illustration, etc. Object name is nihms-829189-f0004.jpg

 

NADH E DOPAMINA 

Diversos estudos realizados descobriram que o NADH tem capacidade de estimular a produção de dopamina e norepinefrina em algumas regiões do cérebro. Ao estimular a produção de dopamina, o NADH apresenta efeitos positivos nas funções fisiológicas dependentes de dopamina como por exemplo: força muscular, movimento, coordenação, funções cognitivas, humor, atençao, vida sexual e aumento da secreção hormonal.

Sua capacidade antioxidante desempenha um papel fundamental no combate dos radicais livres, que são resultantes da oxidação das células. Quanto mais NADH estiver disponível para a célula, maior será sua capacidade de reparação.

Poe este motivo , tem  efeito promissor em :

  • Mal de Parkinson: está relacionado com a diminuição da produção do neurotransmissor dopamina por certos neurônios comprometendo gradativamente a atividade cerebral. O NADH aumenta a produção de dopamina melhorando os sintomas da doença.
  • Quadro depressivos com suspeita de déficit de dopamina.

 

NADH E RETINA

As doenças degenerativas da retina são uma das principais causas de morbidade na sociedade moderna, porque a deficiência visual diminui significativamente a qualidade de vida dos pacientes.

Uma nova área de pesquisa que examina o papel de NAD + e sirtuínas na regulação do metabolismo da retina e na patogênese das doenças degenerativas da retina.

De fato, os resultados de numerosos estudos sugerem que o NAD+  ou pequenas moléculas que modulam a função da sirtuína podem melhorar o metabolismo da retina, reduzir a morte de fotorreceptores e melhorar a visão.

Embora mais pesquisas sejam necessárias para traduzir esses achados à beira do leito, eles têm um forte potencial para transformar verdadeiramente o padrão de tratamento para pacientes com doenças degenerativas da retin

 

 

 


REFERÊNCIA

  • Role of NAD+ and mitochondrial sirtuins in cardiac and renal diseasesKathleen A. HershbergerAngelical S. Martin  & Matthew D. Hirschey
  • NAD+ and sirtuins in retinal degenerative diseases: A look at future therapie Jonathan B.Linab1Rajendra S.Apteabcd1
  • NAD metabolism: Implications in aging and longevity lKeisukeYakuabKeisukeOkabeabcTakashiNakagawaabd
  • Cardioprotection by nicotinamide mononucleotide (NMN): Involvement of glycolysis and acidic pH Sergiy M. Nadtochiya,e
  • Revista Time http://time.com/5159879/is-an-anti-aging-pill-on-the-horizon/
  • Mol Cell Endocrinol. 2017 Nov 5;455:62-74. doi: 10.1016/j.mce.2016.11.003. Epub 2016 Nov 5.NAD and the aging process: Role in life, death and everything in between. Chini CCS1, Tarragó MG1, Chini EN2.
Dr. Roberto Franco do Amaral Neto

Dr. Roberto Franco do Amaral Neto

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ARTIGOS RELACIONADOS

Mais lidAs

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Posts recentes

Me siga

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp