Ioimbina – Composto que favorece queima de gordura e melhora de libido.

roberto franco do amaral  melhor médico do brasil

O Cloridrato de Ioimbina é um alcaloide da casca da árvore africana Corynanthe yohimbe, e é encontrado também na Rauwolfia Serpentina (L) Benth.

O Cloridrato de Ioimbina bloqueia receptores alfa-2 adrenérgicos pré-sinápticos; tendo ação vasodilatadora ( dilatação de vasos)

O efeito do Cloridrato de Ioimbina sobre o sistema nervoso autônomo periférico é o aumento da atividade parassimpática (colinérgica) e a diminuição da atividade simpática (adrenérgica).

No desempenho sexual masculino, a ereção está ligada à :

1- atividade colinérgica

2- bloqueio alfa-2 adrenérgico

Tais ações podem resultar em aumento do tônus peniano, diminuição do esvaziamento do fluxo sanguíneo no pênis ou ambos, provocando a estimulação erétil sem aumentar o desejo sexual.

Uma revisão de sete estudos controlados indica que a afirmação pode ser verdadeira. Neste estudo, a ioimbina foi claramente mais eficaz do que um placebo no tratamento da disfunção erétil (3Fonte confiável)

Um dos estudos na revisão examinou os efeitos da ioimbina em 82 veteranos do sexo masculino com disfunção erétil (4Fonte confiável)

Após um mês de tratamento, 34% dos pacientes que tomaram ioimbina experimentaram pelo menos uma melhora parcial dos sintomas, enquanto 20% dos pacientes relataram ereções completas e sustentadas. Apenas 7% dos veteranos que tomaram um placebo relataram alguma melhora.

 

Veja mais sobre o assunto:

Saiba tudo sobre disfunção erétil no homem.

 

RESUMO:

A ioimba é um suplemento de ervas usado para tratar a disfunção erétil e promover a perda de peso. 

A principal forma de ação da ioimba no corpo é através do bloqueio dos receptores alfa-2 adrenérgicos.

 


Ioimbina e emagrecimento

Como os receptores alfa 2 tem o papel de inibir a queima de gordura (lipólise) no tecido gorduroso branco e a termogênese no tecido marrom, a ioimbina favorecer o emagrecimento através a utilização de gordura como fonte de energia.

A iombina atua promovendo um aumento da atividade do sistema nervoso simpático (SNS), com uma mobilização de gordura mais eficaz e sem efeitos significativos sobre o sistema cardiovascular.

A principal função dos receptores adrenérgicos do adipócito ( células de gordura) é controlar a atividade da lipase hormônio-sensível e regular o processo de lipólise (queima de gordura) .

A ativação do receptor a2 adrenérgico leva à inibição da adenilciclase e da produção de AMP cíclico pela ativação de uma proteína G inibitória (G1).

O nível intracelular de AMP cíclico controla a ativação da proteína – cinase A que regula a fosforilação e ativação da lipase lipase hormônio-sensível , que por sua vez promove a lipólise.

Um estudo examinou os efeitos da ioimbina em 20 mulheres obesas que consumiram uma dieta de 1.000 calorias por três semanas. As mulheres que tomaram ioimbina perderam significativamente mais peso do que aquelas que tomaram um placebo – 7,8 libras (3,6 kg) vs. 4,9 libras (2,2 kg) (6Fonte confiável)

A ioimbina também foi estudada em jogadores de futebol de elite e diminuiu a gordura corporal em 1,8 pontos percentuais ao longo de três semanas. Nenhuma mudança significativa foi encontrada no grupo de placebo (7Fonte confiável)


MAIS  INFORMAÇÕES:

O ioimbina é vendida em farmácias como o nome de Yomax e também pode ser manipulada para tanto ser usada pela via oral como injetável.

Na minha prática com o uso da ioimbina injetável , o uso é bem tolerado mas a prescrição e acompanhamento médico  é importantíssimo.

Dose recomendada pela via oral : 5 mg 3 vezes ao dia por no máximo 10 semanas

Se ocorrerem reações como náusea, tontura ou nervosismo, a dosagem pode ser reduzida para 1/2 comprimido, três vezes ao dia. Posteriormente, a dose deve ser aumentada gradualmente para 1 comprimido três vezes ao dia.

Os principais efeitos colaterais do cloridrato de ioimbina incluem aumento da pressão arterial, aumento dos batimentos cardíacos, irritabilidade, vertigens, náuseas, vômitos, dores de cabeça, transpiração excessiva, urticária, vermelhidão na pele ou tremores.

Siga a orientação de seu médico, respeitando os horários, as doses e a duração do tratamento. Pacientes recebendo ioimbina devem estar sob supervisão de especialistas habituados ao seu uso.

Deve ser usado com cautela em pacientes com história de úlcera gastroduodenal.

 


Você também pode gostar:

Meus 13 conselhos mais eficientes para o emagrecimento.

 


Atividades aeróbicas  estimulam a produção de hormônio do crescimento e pode potencializar a queima de gordura junto com a ioimbina

Saiba mais:

Hormônio do crescimento : 7 variáveis que podem influenciar a liberação no exercício aeróbico

 


Qual os benefícios da ioimbina?

A ioimbina pode favorecer a queima de gordura bloqueando receptores alfa adrenérgicos na massa de gordura e estimular e ereção e entumecimento do clítoris

Ioimbina precisa de receita?

Não , ela pode ser encontrada em qualquer farmácia com o nome de Yomax

A ioimbina pode ser feita de forma injetável?

Sim, na Clínica Franco do Amaral temos larga experiência com esta aplicação, entre em contato conosco

Quais os efeitos colaterais?

Tendo em visto o efeito vasodilatador: rubor facial, aumento da frequência cardíaca secundária a queda de pressão, tontura e dor de cabeça

Ioimbina melhora celulite?

Tudo que favorece queima de gordura , sim ! Mas ela funcionará dentro de um contexto de exercícios físicos e dieta visando perda de peso e diminuição da massa de gordura.

 


Formulário de newsletter
Receba meus novos artigos no seu e-mail

 

REFERÊNCIAS

21. Kucio C, Jonderko K, Píiskorka D. Does yohimbine act as a slimming drug? Isr J Med Sci 1991;27(10):550-6.

Eficácia e Tolerabilidade das Substâncias Calorigênicas: Ioimbina, Triiodotironina, Aminofilina Combinada a Efedrina e Fenilpropanolamina no Tratamento da Obesidade a Curto Prazo Rascovski A

Bula do Yomax

Yohimbine for erectile dysfunction: a systematic review and meta-analysis of randomized clinical trials E Ernst 1, M H Pittler

.

Dr. Roberto Franco do Amaral Neto

Dr. Roberto Franco do Amaral Neto

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhe

26 respostas

  1. Boa tarde,
    Quero comecat a usar a ioimbina mas tenho duvidas. Pode me ajudar….
    Eu li que o ideal é tomar em jejum… mas se sao 3 comprimidos por dia, quais seriam os melhores horários entao?
    Outra duvida… posso tomar durante a semana e beber cerveja/vinho no findi?
    Eu li tambem que deve diminuir o consumo
    de carboidrato e acucar em geral . É correto?
    O xilitol.pode ser uma saída pro consumo de acucar?
    Agradeco desde ja e aguardo ansiosa as respostas
    Cristiane

    1. Se está usando-a como objetivo de queimar gordura não faz sentido comer açúcar. O consumo de carbo deve estar mais baixo também, idealmente 2g/kg de massa magra podendo aumentar conforme a intensidade do treino
      Álcool também não combina com emagrecimento mas bom senso sempre é válido
      Xilitol é uam boa opção
      Se tomar 3 vezes ao dia, seria de 8/ 8 horas

  2. Bom dia doutor!

    Obrigada pelo post bem explicativo sobre a ioimbina

    Estou amamentando um bebê de 6 meses que já consome alimentos 3 x ao dia.

    Minha dúvida é se posso tomar uma dose única de 5mg de ioimbina Via oral em jejum pela manhã. (No intervalo de 3 horas não iria amamentar após a ingestão)
    Ela será excretada no leite?

  3. Quem tem problema na tireóide (hipertireoidismo) pode tomar Ioimbina?
    Se pode, a recomendação é 10 semanas, e depois disso por quantas semanas deve parar ate recomeçar o ciclo?

  4. Vou começar a tomar peso 77kg e pela dosagem tenho que tomar 15mg que equivale a 3 comprimidos. É para tomar em jejum então tomo os e comprimidos todos na mesma hora ou pode ter um intervalo ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ARTIGOS RELACIONADOS

Mais lidAs

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Posts recentes

Me siga

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp